Organizações enviam ajudas de emergência e lançam recolha de fundos

Foto: Lusa

Lisboa, 20 mar 2019 (Ecclesia) – Várias organizações católicas de Portugal estão a mobilizar-se para fazer chegar ajudas de emergência à população moçambicana vítima do ciclone Idai e iniciar a recolha de fundos que permita fazer face às consequências desta catástrofe.

Cáritas Portuguesa, Diocese de Braga, Fundação Ajuda à Igreja que Sofre, Fundação Gonçalo da Silveira, Irmandade dos Clérigos, Santa Casa da Misericórdia do Porto, Santuário de Fátima são algumas das instituições que já fizeram chegar ajuda de emergência à região da Beira, em Moçambique.

Para além, da ajuda de emergência, estão em curso campanhas de recolha de donativos para fazer face à destruição provocada pelo ciclone, nomeadamente por iniciativa da Arquidiocese da Beira, em Moçambique, assim como várias organizações em Portugal.

Arquidiocese da Beira – Moçambique
IBAN M2590003020101931121021134
Cáritas «Ajuda Moçambique»
PT50 0033 0000 01090040150 12
Fundação Gonçalo da Silveira (FGS) – Emergência Moçambique 2019
PT50 0036 0000 9910 59181487 7
Dehonianos – Província Portuguesa Sacerdotes Coração de Jesus
PT50 0018 2055 0199 0710 02004
Missionários Combonianos
PT50 0007 0059 0000 0030 0070 9
Missionários Espiritanos – Congregação do Espírito Santo
PT50 0010 0000 1394 2610 0017 7
Franciscanos – União Missionária Franciscana
PT50 0010 0000 0242 5320 0011 5
Diocese do Porto
PT50 0018  2194 0155 9041 0201 7 –  indicação “Moçambique”
Fundação Ajuda à Igreja que Sofre (AIS)
PT50 0269 0109 0020 0029 1608 8
Cruz Vermelha Portuguesa
PT50 0010 0000 36319110 0017 4
Sopro – Solidariedade e Promoção (Irmãos de La Salle – Barcelinhos)
PT50 0036 0096 99100095189 45
Rosto Solidário – Missionários Passionistas
PT50 0036 0095 9910 0047 9506
Código BIC: MPIOPTPL (Banco Montepio)
União Missionária Franciscana (UMF)
PT50 0010 0000 0242 5320 0011 5
Oikos – Cooperação e Desenvolvimento

PT50 0036 0265 9910 0013225 29

PR

[Notícia atualizada a 29 de março]

Partilhar:
Share