Moçambique: Arcebispo da Beira adverte que recuperação do país «vai levar anos» e apela à «solidariedade internacional»

Mais de um mês depois do ciclone Idai, alimentação continua a ser a maior preocupação, realça D. Claudio Dalla Zuana (mais…)

Slider

Guarda: Tríduo Pascal foi tempo de alerta para o «flagelo» da violência doméstica

Pároco de Manteigas recorreu ao rito do lava-pés, que contou com a participação de 12 mulheres (mais…)

Focolares: Grupo «Gen Verde» chega a Portugal para apresentar «From the Inside Outside» (c/vídeo)

Digressão nacional, com participação de jovens portugueses, começa no Fórum Braga (mais…)

Páscoa: Manifestações de piedade mantêm valores cristãos face ao secularismo – padre Krzysztof Dworak (c/vídeo)

Investigador na área das Ciências da Religião sublinha importância cultural da religiosidade popular (mais…)

Portalegre-Castelo Branco: Romarias de Páscoa levam dinamismo e vivacidade aos territórios mais isolados

Investigador António Catana dá a conhecer o caso de Proença-a-Nova onde pontifica a devoção a Nossa Senhora da Granja

(mais…)

Sri Lanka: Papa reforça condenação de ato «terrorista» e «desumano»

Vaga de ataques suicidas contra igrejas e hotéis fizeram 290 mortos no dia de Páscoa (mais…)

Urbi et Orbi: Mensagem Pascal critica «muros» de quem é indiferente ao sofrimento do próximo (c/vídeo)

Papa recorda conflitos nos vários continentes, pedindo atenções para refugiados e marginalizados (mais…)

Páscoa: Musical «Diana» é uma história real de descoberta vocacional (c/vídeo)

Iniciativa da paróquia de Monte Abraão, no patriarcado de Lisboa, recorre à música para transmitir a alegria pascal, nos próximos dias 26 e 27 de abril

(mais…)

 

Viseu: Bispo apela a fim de «cultura de morte», em defesa dos doentes e dos mais frágeis

Eutanásia e aborto «envergonham uma sociedade que se afirma humanista», disse D. António Luciano (mais…)

Lamego: Homilias da Semana Santa foram uma ocasião de anúncio do «Evangelho ardente de Jesus Cristo»

D. António Couto presidiu às celebrações da Missa Crismal e do Tríduo Pascal

(mais…)

Algarve: Bispo alerta para os «caminhos ilusórios» que minam hoje a busca da «verdadeira felicidade»

Viver Cristo ressuscitado é levar a «verdade» da fé a todas as pessoas, frisou D. Manuel Quintas na celebração do Domingo de Páscoa

(mais…)

Coimbra: Bispo lamenta atentados no Sri Lanka e incêndio em Notre-Dame

Em homilia de Páscoa, D. Virgílio Antunes fala em «Europa marcada por muitos sinais de morte espiritual» (mais…)

Braga: Arcebispo realça Ressurreição de Cristo como um desafio a «dar a vida ao mundo»

«Não basta ser telespectador inerte e crítico», disse D. Jorge Ortiga na Missa do Domingo de Páscoa

(mais…)

Páscoa: Bispo de Angra pede resposta para «sinais de morte» no mundo

«A Vida Nova presente na vida dos batizados não é uma teoria», sublinha D. João Lavrador (mais…)

Páscoa: D. Manuel Clemente denuncia perseguições contra cristãos

Cardeal-patriarca de Lisboa recordou atentados no Sri Lanka (mais…)

Páscoa: Bispo do Porto condena «novo esclavagismo» laboral e pede fim do trabalho ao domingo

D. Manuel Linda adverte para consequências da perda de sentido humanista e da herança cristã (mais…)

Programa Ecclesia do dia 23 de abril de 2019

Programa Ecclesia do dia 22 de Abril de 2019

Ler aguça e abre a mente

Miguel Oliveira Panão (Professor Universitário), Blog & Autor (mais…)

Amar é uma alegria dolorosa

José Luís Nunes Martins (mais…)

Ser ousado com prudência?

Miguel Oliveira Panão (Professor Universitário), Blog & Autor (mais…)

Ajuda a Moçambique

A cruz escondida

A Irmã Ghazia trabalha no único centro católico de livros no Paquistão (mais…)

A cruz escondida

Na Bolívia, as Missionárias Cruzadas da Igreja apoiam os mais necessitados (mais…)

Vaticano: Papa assina exortação «Cristo Vive», propondo aos jovens a uma vida dedicada aos outros

Francisco aborda temas ligados à vocação e à sexualidade, alertando para os que querem «envelhecer» a Igreja

Vaticano: Francisco desafia Igreja Católica a dar protagonismo às novas gerações, das paróquias às redes sociais

Novo documento do Papa admite falhas na relação com os jovens e pede mais abertura

Abusos Sexuais: «É impossível voltar atrás», escreve o Papa sobre esforço de prevenção e combate

Posição assumida em novo documento dirigido aos jovens de todo o mundo

10 conselhos do Papa para os jovens de todo o mundo

AGENDA

Abr
24
Qua
Lisboa: Ciclo «E Deus nisto tudo?» na Paróquia do Campo Grande
Abr 24@21:30

Lisboa, 26 mar 2019 (Ecclesia) – A Igreja do Campo Grande (Lisboa) vai acolher, durante 11 semanas seguidas, um ciclo de conversas sobre «E Deus nisto tudo?» com personalidades de várias áreas e moderadas por Maria João Avillez.

O ciclo tem início dia 27 deste mês, às 21h30, com a atriz Maria Rueff e segue, dia 03 de abril, com o advogado e conselheiro de Estado, António Lobo Xavier, realça o programa enviado à Agência ECCLESIA.

A reitora da Universidade Católica Portuguesa, Isabel Capeloa Gil, é a convidada do dia 08 de abril, e a 17 de abril é musicólogo Ruy Vieira Nery e o fadista Peu Madureira que refletem sobre o tema central deste ciclo.

A iniciativa continua a 24 de abril com a jornalista e escritora Leonor Xavier e a 01 de maio é a vez do presidente do Conselho de Administração da Renova, Paulo Miguel Pereira da Silva, falar sobre «E Deus nisto tudo?».

O historiador da Ciência, Henrique Leitão, é orador do dia 08 de maio e o deputado José Manuel Pureza reflete sobre o assunto dia 15 de maio.

A 22 de maio a maestrina Joana Carneiro é a oradora e uma semana depois (29 de maio) é a vez do diretor do Museu Nacional de Arte Antiga, António Filipe Pimentel, aprofundar o tema.

O ciclo encerra a 05 de junho com a presidente da Fundação Champalimaud, Leonor Beleza.

LFS

Igreja/Sociedade: Paróquia do Campo Grande promove ciclo de conversas com personalidades da sociedade portuguesa (c/vídeo)

Abr
25
Qui
Igreja/Música: Encontro de Coros Infantis do Santuário de Fátima
Abr 25 todo o dia

Fátima, 16 abr 2019 (Ecclesia) – A Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima acolhe, dia 25 de abril, a partir das 15h30, o XI Encontro de Coros Infantis, com a participação da Schola Cantorum Pastorinhos de Fátima, os Jovens Cantores de Guimarães e o Coro Juvenil da Universidade de Lisboa.

Esta atividade está inserida no programa pastoral 2018-2019, com o tema «Dar graças por peregrinar em Igreja», e pretende “promover e valorizar a prática musical religiosa de crianças e jovens”, através de uma dinâmica de “intercâmbio e enriquecimento de experiências e conhecimentos, com outras formações corais, diferentes realidades e modelos de trabalho”, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

O concerto foi pensado pelas maestrinas dos coros participantes e visa “retratar e honrar a realidade do Santuário de Fátima e dos muitos peregrinos que rezam neste lugar”, refere.

Esta iniciativa foi concebida em forma de tríptico: Fé, Amor e Esperança.

A peça inicial – «Past Life Melodies» – inspirada no canto aborígene da Austrália, “é um hino à força da oração, da súplica, sem fronteiras geográficas ou de credos”, explicam as maestrinas.

O «Ave Maria de Pentecostes» seguido de «Regina Caeli», “espelha, em pleno Tempo Pascal, a universalidade da mensagem de Fátima e os sons orantes que ecoam diariamente no Santuário de Fátima”.

A segunda parte deste concerto é dedicada ao Amor e à ação que a ele conduz.

«Salve Regina» e «Nigra Sum» (peça escrita em 1943 para a Senhora de Montserrat) fazem a ligação à Virgem Maria e ao seu exemplo de plena dádiva de amor.

A terceira parte, dedicada à Esperança, inicia com «Balada de Outono», peça que remete para sentimentos de “tristeza, de desalento”. Neste momento os coros darão voz, em conjunto, o que acontece novamente na peça «Spring The Sweet Spring», de Esenvalds numa homenagem aos Santos Pastorinhos e ao amor que, em particular, São Francisco Marto nutria pela Natureza.

O concerto termina com «Ave de Fátima», cantado pelos coros e pelo público, num ato único de amor confiante e de louvor.

LFS

Fátima: Duas propostas de voluntariado jovem para o verão
Abr 25@9:00_Abr 28@17:00

O primeiro encontro de preparação está agendado para os dias 25 a 28 de abril

Fátima, 13 abr 2019 (Ecclesia) – O Santuário de Fátima apresenta duas propostas de voluntariado jovem, para o verão, no acolhimento aos peregrinos e a pessoas portadoras de deficiência.

“O projeto SETE, de acolhimento aos peregrinos e imersão na Mensagem de Fátima,  e semana “Vem para o meio”, uma iniciativa que oferece férias a pessoas portadoras de deficiências e seus pais, são as duas propostas de voluntariado jovem para este verão”, conforme nota enviada hoje à Agência ECCLESIA.

O projeto SETE vai acontecer em cinco turnos, semanais ou quinzenais, “entre 29 de julho a 1 de setembro, os voluntários, com idades compreendidas entre os 16 e os 35 anos, vão poder participar em várias experiências de acolhimento, oração e partilha, nos diversos espaços do Santuário de Fátima”, informa o santuário.

Entre os dias 20 de julho e 30 de agosto, em turnos semanais, a mesma faixa etária é convidada a participar na outra proposta de voluntariado jovem, “Vem para o meio”.

Os jovens interessados podem fazer as suas inscrições no site do santuário de Fátima e como forma de preparação acontece um encontro dos dias 25 a 28 de abril,”onde a experiência de um possível voluntariado em Fátima vai ser devidamente preparada, com o conhecimento dos espaços e do espírito do lugar.

SN

Igreja: D. Américo Aguiar recebe medalha de ouro do município de Matosinhos
Abr 25@11:00

Foto Joana Bougard/Renascença

Porto, 22 abr 2019 (Ecclesia) – O bispo auxiliar de Lisboa, D. Américo Aguiar, recebe, dia 25 deste mês, a medalha de ouro do município de Matosinhos (Diocese do Porto) no âmbito da celebração dos 500 anos do foral de Leça do Balio.

A sessão solene de atribuição de atribuição de medalhas e distinções honoríficas realiza-se, às 11h00, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

D. Américo Aguiar nasceu em 12 de dezembro de 1973, em Leça do Balio, Matosinhos, e foi ordenado bispo, dia 31 de março de 2019, na Igreja da Trindade (Porto).

LFS

 

Sagrada Escritura: Colóquio sobre o Museu Internacional do Livro Sagrado
Abr 25@15:30

Gouveia, 29 mar 2019 (Ecclesia) – O primeiro colóquio «Museu Internacional do Livro Sagrado: o ADN das civilizações» vai realizar-se dia 25 de abril, às 15h30, em Farvão (Monte do Dique – Gouveia – Guarda) e vai ser também apresentada a obra «Bíblia na Cultura Portuguesa (três volumes) de frei Herculano Alves.

Depois da apresentação científica do evento pelo responsável do projeto, José Eduardo Franco, a primeira conferência tem como tema «O conceito do Livro Sagrado nas Religiões do Mundo» proferida por Paulo Mendes Pinto, realça o programa enviado à Agência ECCLESIA.

«O livro como objeto de cultura e civilização» e «MILS – Museu Internacional do Livro Sagrado: Projeto e Programa de Atividades» são os temas das preleções seguintes.

A apresentação das linhas gerais e do espaço do Museu do Livro Sagrado é o pilar da reflexão de José António Falcão.

O bispo da Guarda, D. Manuel Felício  e Carlos Fiolhais são os apresentadores da obra «Bíblia na Cultura Portuguesa (três volumes) de frei Herculano Alves.

A sessão encerra com «O anúncio do congresso internacional “A Bíblia na Cultura Ocidental: Milénio de Civilização» por frei Herculano Alves.

LFS

Abr
26
Sex
Guarda: Conferências de Primavera dedicadas ao «Ano Missionário»
Abr 26@21:30

Guarda, 23 abr 2019 (Ecclesia) – Os Arciprestados de Seia e Gouveia, na Diocese da Guarda, vão dedicar o Ciclo de Conferências de Primavera 2019 ao Ano Missionário, às 21h30, entre 26 de abril a 30 de maio, em cinco suas igrejas paroquiais.

A Diocese da Guarda informa que a iniciativa das paróquias de São Martinho, Santa Marinha, Paços da Serra, Moimenta da Serra e Mangualde da Serra faz parte da sua oferta formativa e este ano vão refletir sobre como “Deus convida todos e em tudo à missão”.

A quinta edição do Ciclo de Conferências de Primavera começa esta sexta-feira, 26 de abril, com uma conferência do bispo diocesano, D. Manuel Felício, que vai falar sobre a nota ‘Todos, Tudo e Sempre em Missão’, da Conferência Episcopal Portuguesa para o Ano Missionário e o Mês Missionário Extraordinário, em Santa Marinha.

O pároco de Nossa Senhora da Hora, em Matosinhos – Diocese do Porto, o padre Amaro Gonçalo, vai apresentar o tema ‘Paróquias missionárias! Como?’, na quinta-feira, 2 de maio, na paróquia de São Martinho.

O terceiro orador convidado é o diretor do Departamento Nacional da Pastoral Juvenil, o padre Filipe Diniz, com o tema ‘Os discípulos de Emaús e a missão da Igreja junto dos Jovens’, a 17 de maio, na Paróquia de Paços da Serra.

As duas últimas Conferências de Primavera dos Arciprestados de Seia e Gouveia vão refletir sobre ‘A missão das redes sociais à comunidade humana’ e ‘A vocação e missão da Igreja no mundo da saúde’, respetivamente com o padre Francisco Barbeira, diretor do jornal ‘A Guarda’, a 24 de maio, em Mangualde da Serra, e a médica Ana Castro, religiosa da Aliança de Santa Maria, dia 30 de maio, em Moimenta da Serra.

A Conferência Episcopal Portuguesa está a promover um Ano Missionário especial em todas as dioceses católicas do país, até outubro deste ano, respondendo a uma iniciativa do Papa Francisco.

“Acolhendo com alegria a proposta do Papa Francisco de um Mês Missionário Extraordinário para toda a Igreja, nós, Bispos portugueses, propomo-nos ir mais longe e celebraremos esse mês como etapa final de um Ano Missionário em todas as nossas Dioceses, de outubro de 2018 a outubro de 2019”, informou a CEP.

CB

Abr
27
Sáb
Igreja/Música: «Gen Verde» atua em várias cidades portuguesas
Abr 27 todo o dia

Lisboa, 15 mar 2019 (Ecclesia) – O grupo internacional feminino «Gen Verde» vai atuar, em abril e maio, em várias cidades portuguesas com o concerto «From the Inside Outside».

Nascida na pequena cidade de Loppiano, em Itália, uma comunidade do Movimento dos Focolares, o «Gen Verde» vão atuar Braga, Santa Maria da Feira, Fátima, Manique, Évora e Faro, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

O primeiro concerto é a 27 de abril é no Altice Forum (Braga); depois segue-se (04 de maio) no Europarque (Santa Maria da Feira); a 10 de maio é no Centro Paulo VI (Fátima), nos Salesianos Manique (Cascais) a atuação é a 17 de maio; a Arena D’Évora (Évora) recebe o Gen Verde a 25 de maio e o Teatro das Figuras (Faro) acolhe os músicos a 30 de maio.

O «Gen Verde» já percorreu o mundo “dando mais de 1500 concertos”, conquistando “um número crescente de fãs por todo o mundo, é sobretudo entre os jovens que as suas músicas e canções ganham plena expressão, com mensagens que testemunham, por vezes, fortes experiências de vida”, lê-se numa nota.

A par do concerto, o grupo aposta num projeto musical educativo, designado «Start Now» que envolve as 20 artistas do grupo musical e os jovens de escolas locais: vários workshops de dança, teatro, percussão e canto, que culminarão num concerto final aberto ao público.

LFS

Algarve: Diocese dinamiza testemunhos sobre a Jornada Mundial da Juventude 2019
Abr 27@21:00

Faro, 27 fev 2019 (Ecclesia) – Os jovens da Diocese do Algarve que participaram na Jornada Mundial da Juventude (JMJ) no Panamá começam hoje, um mês depois desse encontro, a dar testemunho dessa vivência num périplo mensal por todas as paróquias.

Na informação enviada hoje à Agência ECCLESIA, o ‘Folha do Domingo’ adianta que os participantes algarvios da JMJ 2019 começam “encontros mensais de testemunho” do que foi a sua experiência, um mês após o final do encontro no Panamá.

O primeiro encontro, esta noite, realiza-se na igreja matriz da Paróquia de Vila Real de Santo António, e o jornal diocesano  indica que os encontros vão realizar-se mensalmente, sempre no dia 27, pelas 21h00, até de janeiro de 2020.

O próximo encontro é Olhão (abril), Faro (maio), Quarteira (junho), Loulé (julho), Ferreiras (agosto), Portimão (setembro), Paderne (outubro), Silves (novembro) e Monchique (dezembro), e terminam com um encontro diocesano na Sé de Faro (janeiro 2020).

Os encontros mensais vão ter um momento de ambientação, uma catequese sobre um tema da Doutrina Social da Igreja, um testemunho de um participante na JMJ e por um momento de oração, baseado na vida de um dos oito santos patronos da JMJ, com adoração ao Santíssimo Sacramento.

A JMJ realizou-se pela primeira vez na América Central, mais concretamente na Cidade do Panamá, onde estiveram 25 jovens do Algarve, onde também se contava um casal, de nove paroquias – Silves (9), Paderne (4), Quarteira (3), São Pedro de Faro (2), Ferreiras (3), Portimão (1), Tavira (1), Loulé (1) e Olhão (1) – para além do assistente do Setor Diocesano da Pastoral Juvenil, o padre Nelson Rodrigues, e mais dois sacerdotes, Tiago Veríssimo, pároco de Monchique, e Adelino Ferreira, pároco de Vila Real de Santo António.

O jornal ‘Folha do Domingo’ realça ainda que todos os participantes já deram testemunho da JMJ 2019 em Eucaristias nas suas paróquias de origem após o regresso do Panamá.

‘Eis aqui a serva do Senhor. Faça-se em mim segundo a tua Palavra’ foi o tema do 34.º encontro mundial de jovens que terminou há um mês, a 27 de janeiro, e foi presidido pelo Papa Francisco.

Na Missa de encerramento do encontro foi anunciado que a próxima edição internacional realiza-se em Portugal, mais concretamente no Patriarcado de Lisboa, em 2022.

Estiveram no Panamá, 300 portugueses de 12 dioceses e de seis congregações e movimentos, seis bispos e 30 voluntários.

As JMJ nasceram por iniciativa de São João Paulo II, após o sucesso do encontro promovido em 1985, em Roma, no Ano Internacional da Juventude; são um acontecimento religioso e cultural que reúne jovens de todo o mundo durante uma semana.

Cada JMJ realiza-se, anualmente, a nível diocesano no Domingo de Ramos, alternando com um encontro internacional a cada dois ou três anos numa grande cidade: em 1987, Buenos Aires (Argentina); em 1989, Santiago de Compostela (Espanha); em 1991, Czestochowa (Polónia); em 1993 em Denver (EUA); em 1995, Manila (Filipinas); em 1997, Paris (França); em 2000, Roma (Itália); em 2002, Toronto (Canadá); em 2005, Colónia (Alemanha); em 2008, Sidney (Austrália); em 2011, Madrid (Espanha); Rio de Janeiro (Brasil), em 2013; e Cracóvia (Polónia), em 2016.

CB

[Notícia atualizada a 1 de março]

Évora: «Marcha da Paz» com São João Paulo II em Campo Maior
Abr 27@21:00

Campo Maior, 22 abr 2019 (Ecclesia) – Na localidade de Campo Maior, Arquidiocese de Évora, realiza-se, dia 27 deste mês, uma «Marcha da Paz» com São João Paulo II.

Esta iniciativa tem início às 21h00 com a recitação da Coroa da Divina Misericórdia (na Igreja da Misericórdia) e 30 minutos depois faz-se uma marcha silenciosa pela paz nas ruas de Campo Maior, lê-se numa nota enviada à Agência ECCLESIA.

A atividade que é promovida pelo Movimento da Mensagem de Fátima de Évora e pelas paróquias de Campo Maior encerra com a Eucaristia na Igreja da Verbum Dei.

LFS

Abr
28
Dom
Ambiente: Santa Sé vai participar na Exposição Internacional de Horticultura em Pequim
Abr 28 todo o dia

Cidade do Vaticano, 10 abr 2019 (Ecclesia) – A Santa Sé vai participar na Exposição Internacional de Horticultura 2019 que vai ter lugar em Pequim, capital da República Popular da China, entre 28 de abril e 7 de outubro.

O comissário do pavilhão da Santa Sé na exposição internacional é o cardeal Gianfranco Ravasi, presidente do Conselho Pontifício da Cultura, e o vice-comissário monsenhor Tomasz Trafny.

Num comunicado publicado hoje, a sala de imprensa da Santa Sé informa que os dois responsáveis participam numa conferência de imprensa de apresentação do pavilhão na próxima terça-feira, 16 de abril, às 11h30 locais (menos uma hora em Lisboa), no Salão João Paulo II.

O Gabinete Internacional de Exposições (Bureau Internacional de Exposições – BIE) informa que com o certame com o tema ‘Viva verde, viva melhor’ deriva do conceito de “civilização ecológica, um novo princípio orientador na longa história da humanidade” e vai demonstrar o “desejo comum das pessoas” por um estilo de vida verde e ajudará a humanidade “a adaptar-se, respeitar e integrar-se à natureza”.

A Expo Horticultura Pequim 2019 vai ter a duração de 162 dias e são esperados mais de 16 milhões de visitantes.

CB

China: Vaticano leva livros raros a Exposição Internacional de Horticultura

Lisboa: Sintra acolhe assembleia diocesana de catequistas
Abr 28 todo o dia

Lisboa, 22 abr 2019 (Ecclesia) – A Igreja de São Miguel, em Sintra, recebe, no dia 28 de abril, a assembleia de catequistas do Patriarcado de Lisboa que como o tema «Celebrar o encontro com Jesus Cristo».

O encontro tem início pelas 09h00, com o acolhimento e a oração da manhã e de seguida os catequistas participam, ao longo do dia, “nas três atividades em que se inscreveram”, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA

Haverá ateliers sobre os sacramentos e as celebrações da catequese, outros com as temáticas da oração, do símbolo, do rito e da iconografia.

O padre Tiago Neto, diretor do Setor da Catequese, vai apresentar o «Diretório da Missa com crianças».

O cardeal-patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente, vai estar presente nesta atividade.

LFS

Vida Consagrada: Peregrinação evoca a Serva de Deus Madre Maria do Lado
Abr 28 todo o dia

Coimbra, 22 abr 2019 (Ecclesia) – As Irmãs Clarissas do Louriçal (Diocese de Coimbra) e os devotos da Serva de Deus Madre Maria do Lado vão agradecer, dia 28 deste mês, o dom da vida e obra da fundadora daquele convento.

Naquele dia vão peregrinar até ao Louriçal para “adorar Jesus no Santíssimo Sacramento da Eucaristia e rezar junto do túmulo da Serva de Deus”, no ano em que se comemora o 310º aniversário da fundação do Convento, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

Depois da concentração, às 09h30, junto ao Centro Cultural Louriçal seguindo em romagem de oração até ao Convento segue-se, às 10h00, a adoração eucarística na Igreja do Convento.

Pelas 11h00 faz-se uma visita ao túmulo da Madre Maria do Lado (Igreja do Convento) e pelas 15h00, no mesmo local, realiza-se a “tomada de hábito da Nélia”, frisa o comunicado.

LFS

Abr
30
Ter
Lamego: Encerramento da exposição «In Memoriam – D. António Francisco dos Santos»
Abr 30 todo o dia
Lamego: Encerramento da exposição «In Memoriam - D. António Francisco dos Santos»

Lamego, 07 dez 2018 (Ecclesia) – O bispo de Lamego preside este sábado, dia 8 de dezembro, à inauguração da exposição “In Memoriam – Dom António Francisco dos Santos”, na Santa Casa da Misericórdia de Cinfães.

Patente ao público até ao dia 30 de abril de 2019, a evocação do antigo bispo do Porto, natural de Cinfães, acontece através de uma “Exposição Coletiva de Artes Plásticas”, que tem por curadores Helena Fortunado e Bruno Marques.

Natural de Tendais, na Diocese de Lamego, D. António Francisco dos Santos foi bispo do Porto entre fevereiro de 2014 e setembro de 2017, falecendo no dia 11 desse mês, aos 69 anos, na Casa Episcopal da diocese, devido a uma complicação cardíaca.

LFS

Cinfães: Exposição coletiva de artes plástica evoca D. António Francisco dos Santos

 

Franciscanos: Leitura espiritual do Evangelho de São Lucas no Convento do Varatojo
Abr 30@16:41_17:41

Torres Vedras, 08 fev 2019 (Ecclesia) – Os frades Franciscanos do Convento do Varatojo vão organizar, a partir do dia 26, uma leitura espiritual do Evangelho de S. Lucas.

A iniciativa decorre a propósito dos “350 anos da morte de Rembrandt (1606-1669), pintor que muito se inspirou neste livro bíblico”, informa um comunicado enviado hoje à Agência ECCLESIA.

“Esta proposta consiste numa leitura de conjunto com base no texto evangélico e outra leitura mais aprofundada de algumas narrativas entre as mais trabalhadas por Rembrandt”, dá conta a organização, que destaca as passagens “do ressuscitado com dois discípulos a caminho de Emaús” e a parábola do “pai misericordioso, o filho pródigo e o irmão”.

O Convento de Varatojo, “um dos mais históricos dos conventos franciscanos do nosso país, com uma comunidade residente”, está a celebrar 550 anos da sua fundação.

Os encontros decorrem nos dias 26 de fevereiro, 12 e 26 de março, 9 e 30 de abril, 14 e 21 de maio e ainda a 4 de junho, sendo a inscrição gratuita.

LS

Mai
1
Qua
Lisboa: Ciclo «E Deus nisto tudo?» na Paróquia do Campo Grande
Mai 1@21:30

Lisboa, 26 mar 2019 (Ecclesia) – A Igreja do Campo Grande (Lisboa) vai acolher, durante 11 semanas seguidas, um ciclo de conversas sobre «E Deus nisto tudo?» com personalidades de várias áreas e moderadas por Maria João Avillez.

O ciclo tem início dia 27 deste mês, às 21h30, com a atriz Maria Rueff e segue, dia 03 de abril, com o advogado e conselheiro de Estado, António Lobo Xavier, realça o programa enviado à Agência ECCLESIA.

A reitora da Universidade Católica Portuguesa, Isabel Capeloa Gil, é a convidada do dia 08 de abril, e a 17 de abril é musicólogo Ruy Vieira Nery e o fadista Peu Madureira que refletem sobre o tema central deste ciclo.

A iniciativa continua a 24 de abril com a jornalista e escritora Leonor Xavier e a 01 de maio é a vez do presidente do Conselho de Administração da Renova, Paulo Miguel Pereira da Silva, falar sobre «E Deus nisto tudo?».

O historiador da Ciência, Henrique Leitão, é orador do dia 08 de maio e o deputado José Manuel Pureza reflete sobre o assunto dia 15 de maio.

A 22 de maio a maestrina Joana Carneiro é a oradora e uma semana depois (29 de maio) é a vez do diretor do Museu Nacional de Arte Antiga, António Filipe Pimentel, aprofundar o tema.

O ciclo encerra a 05 de junho com a presidente da Fundação Champalimaud, Leonor Beleza.

LFS

Igreja/Sociedade: Paróquia do Campo Grande promove ciclo de conversas com personalidades da sociedade portuguesa (c/vídeo)

NACIONAL

VATICANO

INTERNACIONAL

Sociedade: Cardeal-patriarca de Lisboa cria Comissão para a Proteção de Menores

Coordenada pelo bispo auxiliar D. Américo Aguiar, é composta por especialistas nas áreas de psicologia, psiquiatria, justiça civil e canónica e comunicação social

 

Primeira reunião decorreu no dia da sua constituição