Iniciativa organizada pela comunidade católica de Santo Egídio

Madrid, 18 set 2019 (Ecclesia) – Os participantes no encontro inter-religioso “Paz sem fronteiras”, organizado pela Comunidade de Santo Egídio em Madrid, lançaram um “apelo de paz”, esta terça-feira, no final do evento.

Os líderes das várias confissões colocam-se ao lado “dos mais fracos” e dos que são atingidos “pela violência e pelo desprezo por serem diversos, porque rezam e falam noutra língua”.

O encontro anual ‘Paz sem fronteiras – Religiões e culturas em diálogo’ deixou uma mensagem conjunta das religiões presentes que deram voz aos que “são deixados fora do bem-estar”.

Outra preocupação diz respeito às “futuras gerações”, criticando quem se comporta como se o “planeta de todos fosse só de alguns”, bem como ao reaparecimento do “culto da força e as discórdias nacionalistas” ou o terrorismo.

“Quem crê em Deus descobre o mundo como casa comum, habitada pela família dos povos”, realça o texto conjunto.

OC

Vaticano: Papa apresenta diálogo, encontro e oração como instrumentos para construção da paz

Partilhar:
Share