Clero açoriano convidado a renovar as promessas sacerdotais em Ponta Delgada, Horta e Angra

Ponta Delgada, Açores, 16 abr 2019 (Ecclesia) – O bispo de Angra presidiu esta segunda-feira em Ponta Delgada, ilha de São Miguel, à primeira de um conjunto de três Missas em que o clero açoriano é convidado a renovar as suas promessas sacerdotais.

Este é um gesto que ocorre habitualmente na Missa Crismal, que precede o inicio das celebrações do Tríduo Pascal, mas que, nos Açores, se celebra em dias alternados nas três vigararias, culminando nesta quarta-feira.

D. João Lavrador convidou os sacerdotes a empenharem-se numa maior “comunhão”, “renovação” e “purificação”, abandonando o “clericalismo” e a tentação de serem “profissionais do sagrado”.

“Convido-vos a vós e mim próprio para uma entrega livre e generosa na missão pastoral que quebre com uma tradição de vários séculos que nos transformou em profissionais do sagrado, gerou a chaga do clericalismo e impediu a valorização de todo o povo de Deus e do exercício da liberdade pessoal que encara todos os lugares da missão como um desafio ao anuncio da Boa Nova”, afirmou o bispo de Angra, citado pelo portal diocesano ‘Igreja Açores’.

O prelado apelou a “uma comunhão mais nítida e forte” entre o clero, através de um “cuidado das relações de modo que tudo contribua para uma maior dignificação do presbitério”, retirando “tudo que seja ataque à comunhão presbiteral”.

OC

Partilhar:
Share