Bispo diocesano presidiu à Vigília Pascal para celebrar uma «novidade surpreendente»

Angra do Heroísmo, Açores, 20 abr 2019 (Ecclesia) – O bispo de Angra afirmou hoje na homilia da Vigília Pascal que a ressurreição de Cristo é um “desafio profundo” ao “exercício dos poderes do mundo” e motiva a uma “experiência de viver a vida nova”.

“A ressurreição de Jesus Cristo, respondendo à criação decaída pelo pecado e à criatura humana sedenta de sentido para a sua existência, é um desafio profundo à inteligência humana e ao exercício dos poderes do mundo”, disse D. João Lavrador.

A Vigília Pascal é a “mãe de todas as celebrações” da Igreja, evocando a Ressurreição de Cristo em cinco momentos: a bênção do fogo novo e do círio pascal; a proclamação da Páscoa, que é um canto de júbilo anunciando a Ressurreição do Senhor; a série de leituras sobre a História da Salvação; a renovação das promessas do Batismo, por fim, a liturgia Eucarística.

Na homilia da Missa, na Catedral de Angra, D. João Lavrador referiu-se à ressurreição como uma “novidade surpreendente”, afirmando que “requer a sintonia com o Amor de Deus e o Seu poder pode projectar esperança perante uma sociedade e uma cultura que continua a mover-se imersa em sinais de morte e de desespero”.

“Eis a profundidade, a riqueza e o desafio desta celebração que nos faz saborear a maravilhosa experiência de viver a vida nova de ressuscitados”, afirmou.

O bispo de Angra sublinhou a necessidade de todos os cristãos serem “anunciadores e testemunhas” da novidade da ressurreição, certos de que Jesus Cristo Ressuscitado “precede” todos os que são enviados em “missão evangelizadora”.

D. João Lavrador lembrou, na homilia da Missa da Vigília Pascal, que o lema «comunidade evangelizada em comunhão missionária» norteia a vida pastoral na Diocese de Angra, que encontra o “verdadeiro fundamento” na festa da Páscoa.

“A ressurreição de Jesus Cristo dá o verdadeiro fundamento para este apelo que nos é feito a partir da comunidade diocesana”, concluiu o bispo de Angra.

PR

Homilia do bispo de Angra na Vigília Pascal

Partilhar:
Share