Cidade do Vaticano, 30 jul 2018 (Ecclesia) – O Papa Francisco enviou 10 mil euros para ajudar os refugiados iemenitas que vivem na ilha coreana de Jeju, informa o portal de notícias do Vaticano.

O valor foi entregue ao bispo da ilha, D. Peter Kang U-il, pelo núncio apostólico (representante diplomático da Santa Sé) na Coreia do Sul, D. Alfred Xuereb.

O ‘Vatican News’ sublinha que a presença dos refugiados do Iémen “desagradou a parte da população”, o que motivou um apelo à solidariedade por parte de D. Peter Kang U-il.

Durante sua primeira visita à ilha como núncio apostólico na Coreia do Sul, . Alfred Xuereb encontrou-se com os 527 refugiados iemenitas e celebrou uma Missa, antes de visitar o ‘Parque da Paz’.

Este espaço parque foi construído para homenagear as vítimas dos confrontos de 1948 a 1954 entre o governo e civis, como resultado da divisão na Coreia que se seguiu à libertação do domínio colonial japonês em 1945.

OC

Partilhar:
Share