Marcelo Rebelo de Sousa participou em Missa presidida pelo bispo do Funchal

Foto: Governo Regional da Madeira

Funchal, Madeira, 06 jul 2020 (Ecclesia) – Os presidentes da República Portuguesa e do Governo Regional da Madeira reuniram-se este domingo, no Funchal, com IPSS do arquipélago, para assinalar o papel destas instituições durante a pandemia de Covid-19.

Marcelo Rebelo de Sousa saudou as pessoas que “dedicam a vida como uma missão” às Instituições de Solidariedade, centrais para que, na Madeira, a pandemia tenha sido “combatida com determinação, resistência, esforço comunitário e, até agora, tem sido vencida”.

Já Miguel Albuquerque fez questão de relevar “o papel essencial, determinante, decisivo, que as Instituições de Solidariedade Social tiveram durante o surto pandémico, com o apoio que prestaram às populações mais vulneráveis”.

O presidente do Governo Regional da Madeira sublinho ou “valor determinante da solidariedade e da coesão social”.

“Quero agradecer uma vez mais o trabalho que estão a ter na concretização desses valores. Na altura, em conversas que tive com o senhor presidente da República e sendo ele uma pessoa com formação humanista, fez questão de, na visita à Madeira, estar em contacto convosco, para vos agradecer pessoalmente o trabalho que têm concretizado em prol de uma sociedade melhor, concluiu Miguel Albuquerque, na Quinta Magnólia.

A viagem de Marcelo Rebelo de Sousa decorreu entre sábado e domingo, dia em que participou na Missa presidida por D. Nuno Brás, bispo do Funchal, na igreja do Colégio.

“Deus experimenta os trabalhos e sofrimentos próprios da vida humana, fá-los seus, e assim nos ajuda a vivermos cheios de sentido mesmo quando à vista de todos podem parecer insensatos”, declarou o responsável católico, na sua homilia, citada pelo ‘Jornal da Madeira’.

No final da celebração, antes da bênção, coube ao cónego Fiel de Sousa, vigário geral da diocese e reitor da Igreja do Colégio, agradecer a Marcelo Rebelo de Sousa pela visita à Madeira, para “animar na caminhada e na esperança de prosseguir a luta contra o vírus”.

OC

Partilhar:
Share