Foto: Orilaf Fotografia

Lisboa, 25 jul 2018 (Ecclesia) – O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, recebeu esta quarta-feira, em audiência privada, a direção do recém-criado Instituto da Padroeira de Portugal para o Estudo da Mariologia (IPPEM).

Carlos Filipe, diretor do Instituto, referiu à ‘Família Crista’ que o encontro foi pedido pelo próprio Marcelo Rebelo de Sousa.

“Desde que teve conhecimento do projeto, o senhor presidente da República mostrou carinho e quis conhecer melhor o projeto. Fizemos os possíveis para que ele estivesse no dia 12 em Vila Viçosa, na apresentação pública do Instituto, mas tal não foi possível, por questões de Estado. Mas ele não esqueceu, e por iniciativa própria agendou esta audiência”, explicou, adiantando que a mesma tinha servido para apresentar o projeto e os planos ao presidente Marcelo.

O IPPEM assume, entre os seus objetivos, “promover, fomentar e organizar iniciativas científicas e culturais para o aprofundamento dos estudos sistemáticos” sobre a Padroeira de Portugal e promover a investigação científica, tanto na Teologia como numa vertente interdisciplinar, particularmente na área das Ciências Sociais e Humanas.

O Instituto da Padroeira de Portugal para o Estudo da Mariologia foi constituído por escritura pública no dia 1 de dezembro de 2017, na cidade de Elvas; é uma associação privada sem fins lucrativos e instituída por tempo indeterminado.

A associação tem um Conselho Científico, órgão de carácter consultivo, constituído por especialistas de “reconhecido mérito” na área dos estudos mariológicos e noutras áreas disciplinares que possam contribuir para a qualificação científica deste Instituto.

Entre os projetos divulgados pelo IPPEM na sua página oficial estão a elaboração de um ‘Dicionário Global de Maria’, abordando temas de ‘História, Culto e Representações’.

OC

Partilhar:
Share