Foto: Folha do Domingo

Faro, 09 mai 2018 (Ecclesia) – O Secretariado Diocesano da Liturgia, Música Sacra Novas Igrejas e Espaços Pastorais do Algarve concluiu a formação de 41 novos agentes pastorais como ministros extraordinários da Comunhão e animadores da assembleia na ausência do presbítero.

Na informação enviada hoje à Agência ECCLESIA, o jornal ‘Folha do Domingo’ explica que os agentes pastorais refletiram sobre a celebração da Eucaristia nos vários ministérios e na valorização dos vários serviços na Igreja.

Na ação de formação básica, iniciada em fevereiro, os 41 participantes ficaram a ter conhecimentos do ritual dos ministros extraordinários da Comunhão, do ritual para a Celebração da Palavra na ausência do presbítero e as orientações diocesanas para o exercício dos ministérios.

‘Da Igreja mistério, aos ministérios na Igreja’ e ‘A Eucaristia, Sacramento do Amor, Dom e Mistério’ foram temas apresentados pelo diretor do Secretariado Diocesano da Liturgia, Música Sacra Novas Igrejas e Espaços Pastorais, no sábado, no Centro Paroquial de Loulé

Os 41 novos agentes pastorais foram indicados pelos respetivos párocos, por isso, o padre Carlos de Aquino realçou que agora “devem apresentá-los na comunidade com uma celebração própria que está prevista”.

“São leigos que podem e devem participar na formação do CEFLA (Centro de Estudos e Formação de Leigos do Algarve) e noutros encontros de formação da diocese para um aprofundamento mais contínuo também da fé”, desenvolveu o sacerdote ao jornal diocesano ‘Folha do Domingo’.

CB/OC

Partilhar:
Share