Vídeo deixa testemunhos de quem decidiu assumir desafio do sacerdócio

 

Porto, 28 out 2021 (Ecclesia) – O Seminário Maior do Porto publicou um vídeo vocacional, em que cinco seminaristas partilham a sua experiência sobre a casa de formação, e que termina com a pergunta ‘Porque não ser padre?’.

“Às vezes, o porquê ser padre é fácil responder, a negativa é mais difícil”, afirma Lucas Saueia, de 23 anos, no seu 1.º ano da faculdade.

O seminarista da Diocese de Coimbra, a estudar no Porto, recorda que quando estava para entrar no seminário também viu um vídeo vocacional e a pergunta “porque não ser padre” ficou na sua cabeça.

No vídeo vocacional, enviado à Agência ECCLESIA, Lucas Saueia explica que o seminário é uma casa formativa mas é “muito mais do que paredes”, é um espaço onde são “sinodais”, são verdadeiramente Igreja, têm “diversas experiências” e a oportunidade, por isso é importante estarem abertos, “ao amor de Deus”.

A Igreja Católica em Portugal vai celebrar sua a Semana anual dos Seminários, a partir deste domingo, de 31 de outubro a 7 de novembro, com o tema «para estarem com Ele e para os enviar a proclamar», do Evangelho de São Marcos.

Já David Azevedo, que está no 5.º ano de formação, o Seminário Maior de Nossa Senhora da Conceição do Porto é a sua “segunda casa”, aquela que cada pessoa é convidada a construir depois da “casa familiar, dos pais”.

“Encontrei no seminário a minha casa, o lugar onde posso conhecer e aproximar-me de Deus para poder mais facilmente levá-lo até aos outros”, explicou o seminarista de 33 anos de idade.

Com 19 anos, para Emanuel Cerqueira o seminário “é uma experiência muito boa” e, neste percurso, é bom saber têm mais pessoas acompanhar nesse caminho, que “dão força, dão alento”.

“O seminário resume-se ao espírito de comunidade que se cria”, acrescenta o jovem que está no 2.º ano.

“É a casa que me está a formar e que me está a preparar para poder ser padre através de uma experiência comunitária que me faz crescer a nível espiritual, humano e académico”, destaca por sua vez Emanuel Mata, estudante do 4.º ano, com 22 anos de idade.

No vídeo vocacional do Seminário Maior da Diocese do Porto, os seminaristas também destacam três palavras que definem a experiência nesta casa.

O Seminário Maior de Nossa Senhora da Conceição, sediado no antigo colégio de São Lourenço, pertencia à Companhia de Jesus, mais tarde foi convento dos Frades Agostinho e, em 1862, “foi entregue à Diocese do Porto para instalar o seu seminário maior, num processo prolongado até 1864/65”,

A Comissão Episcopal das Vocações e Ministérios publicou online diversos materiais para a vivência da Semana de Oração pelos Seminários, como uma oração, a catequese com os adolescentes ‘Levanta-te… Há um convite para ti’, mistérios do Rosário e uma vigília de adoração.

CB/OC

Igreja: Renovação «mais sinodal e menos clerical» implica os seminários – D. António Augusto Azevedo

Partilhar:
Share