Participantes fizeram o compromisso de continuarem a ser protagonistas até à JMJ2023

Viseu, 22 Nov 2021 (Ecclesia) – Os jovens da Diocese de Viseu reuniram-se este sábado na Paróquia de Campo de Madalena para celebrar o seu dia, “indo contracorrente daqueles que escolhem continuar no sofá”.

Mais de 160 jovens da Diocese de Viseu, “tal como Maria, levantaram-se apressadamente” e partiram para “vivenciarem um dia cheio de atividades, convívio e espiritualidade”, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA, evocando o tema da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) 2023.

O tema de fundo que a organização desta jornada juvenil em Viseu estabeleceu “foi a escuta”, pelo que “quiseram ouvir os jovens e a partir deles beber das suas ideias transformadoras para uma Igreja que se quer mais jovem e próxima”.

O bispo de Viseu, D. António Luciano, escutou e dialogou com os jovens “procurando saber mais dos seus desejos”.

No final do dia, os jovens fizeram um compromisso de continuar a ser protagonistas deste caminho até às Jornadas Mundiais da Juventude, levando o ‘Marco 23’ (atividade mensal todos os dias 23, que prepara a próxima edição internacional da Jornada Mundial da Juventude) para a sua paróquia, bem como levar o convite a cada amigo, “para se juntarem com eles nesta caminhada diocesana”.

A Igreja Católica promoveu, nas dioceses de todo o mundo, a sua festa anual com os jovens católicos, pela primeira vez na solenidade litúrgica de Cristo-Rei, por decisão do Papa Francisco.

A iniciativa teve como tema ‘Levanta-te! Constituo-te testemunha do que viste’, uma passagem do livro dos Atos dos Apóstolos em que Jesus se dirige ao Apóstolo Paulo (cf. At 26, 16).

A próxima edição internacional da Jornada Mundial da Juventude vai decorrer em Lisboa, de 1 a 6 de agosto de 2023.

LFS

Partilhar:
Share