Presidente da instituição contabiliza apoio a «95 pessoas», com ajuda da Cáritas Portuguesa, desde maio

Viana dos Castelo, 25 jul 2020 (Ecclesia) – A Cáritas Diocesana de Viana do Castelo está a “combater os efeitos sociais” da pandemia Covid-19, apela à “multiplicação de esforços” com uma campanha de donativos, e destaca que o apoio da Cáritas Portuguesa permitiu “ajuda direta a 95 pessoas”.

“Para a Cáritas Diocesana de Viana do Castelo este apoio representou uma ajuda direta a 95 pessoas. De transferências diretas da Cáritas Portuguesa 5671,50€ e de fundos próprios da Cáritas Diocesana 6288,50€”, disse José Machado de Oliveira, divulga o jornal diocesano ‘Notícias de Viana’.

A Cáritas Portuguesa disponibilizou à rede nacional – 20 Cáritas Diocesanas – um apoio de 130 mil euros para a resposta imediata às solicitações por parte da população mais vulnerável, desde o início de maio até ao final do mês de junho, e o presidente da Cáritas Diocesana de Viana do Castelo contabiliza que essa “verba apoiou um total de 3371 pessoas, das quais 49% representam novas situações de apoio”.

“Sabemos que este é um momento que trouxe muitos constrangimentos, mas que exige também o compromisso de todos. Deixamos, por isso, o nosso apelo a que se junte à rede nacional Cáritas, da qual fazemos parte, neste esforço de combater os efeitos sociais desta pandemia”, apelou José Machado de Oliveira.

O presidente da Cáritas Diocesana de Viana do Castelo pede também que ajuda “a levar este apelo o mais longe possível” por que “só com a multiplicação de esforços” podem também “ajudar mais pessoas” nas comunidades locais e a nível nacional, lê-se no jornal diocesano ‘Notícias de Viana’.

CB

Partilhar:
Share