Francisco oferece 400 bolsas de estudo em sinal de apoio ao país do Médio Oriente

Cidade do Vaticano, 14 mai 2020 (Ecclesia) – O Papa decidiu oferece 400 bolsas de estudo a alunos do Líbano, no valor de 200 mil dólares, anunciou hoje o Vaticano.

A oferta foi feita através da Secretaria de Estado e da Congregação para as Igrejas Orientais (Santa Sé), e vai ser distribuído pela Nunciatura Apostólica em Beirute.

A sala de imprensa da Santa Sé informa que Francisco segue com “preocupação paterna” a situação no Líbano, definindo o país como “exemplo de convivência e fraternidade” na região.

A ajuda enviada pelo Papa soma-se a um contributo feito recentemente pelo Fundo de Emergência da Congregação para as Igrejas Orientais, a fim de enfrentar a emergência ligada à pandemia da Covid-19.

OC

Partilhar:
Share