Francisco confessa saudades de andar pela rua, como em Buenos Aires

Cidade do Vaticano, 14 jan 2022 (Ecclesia) – O Papa escreveu ao jornalista que o fotografou, esta terça-feira, à saída de uma loja de discos em Roma, confessando saudades de poder andar livremente, como fazia na Argentina.

“O que mais sinto falta nesta Diocese (de Roma) é já não poder caminhar pela rua, como fazia em Buenos Aires, andando entre uma paróquia e outra”, refere Francisco, antigo arcebispo da capital argentina, que em março de 2013 foi eleito como sucessor de Bento XVI.

A mensagem é dirigida ao vaticanista espanhol Javier Martínez-Brocal, da agência ‘Rome Reports’, autor das imagens do Papa que divulgaram a sua visita-surpresa à ‘Stereosound’, uma loja de Roma de cujos proprietários é amigo desde o tempo de cardeal.

Brocal tinha escrito a Francisco, lamentando que seja sempre surpreendido por uma câmara, quando se desloca, mas acrescentava que imagens como as desta semana podem ajudar as pessoas a “sorrir”, num tempo marcado por várias tragédias.

O Papa enviou uma carta, escrita à mão, em que brinca com o profissional, falando em “falta de sorte”.

“Depois de tomar todas as precauções, havia precisamente um jornalista no local, à espera de uma pessoa num ponto de táxis”, gracejou, sublinhando que estes profissionais devem “cumprir a sua vocação”, mesmo que isso signifique “colocar o Papa em dificuldades”.

OC

 

Vaticano: Papa faz visita surpresa a loja de discos em Roma

Partilhar:
Share