Grupo «Décimo Terceiro», da Paróquia de Fernão Ferro, venceu edição com música «Dá-(te) de Graça»

Seixal, 28 mai 2019 (Ecclesia) – A Equipa Vicarial da Pastoral Juvenil do Seixal (EVIPAJIL), na Diocese de Setúbal, promoveu o encontro das suas comunidades no Festival da Canção Jovem Cristã 2019 que sensibilizou para a realidade dos migrantes, numa atuação do projeto italiano ‘Scalamusic’.

“A Igreja não pode ser indiferente nesta altura a este drama dos migrantes e é sempre bom que através do testemunho dos jovens, a Igreja de amanhã, possamos agarrá-los nesta problemática para que nunca se mostre uma Igreja fechada mas aberta sempre pronta a acolher todos que precisam”, disse o padre Rui Simão, da equipa organizadora do evento, à Agência ECCLESIA.

Já Maria Isabel Pané, do grupo internacional dos Missionários Scalabrinianos, realçou que é um tema que “foi sempre muito importante para a história da humanidade” e têm de “continuar a dar ao tema da migração a mesma importância que deu o beato [João Batista Scalabrini]”.

Em declarações à Agência ECCLESIA, no final da apresentação, a professora de música explicou que “todas as histórias são verdadeiras” e foram contadas pelos missionários espalhados pelo mundo, como a dos “dois amantes argentinos” – “Alexandra está em Rosário e ele em Madrid a trabalhar” – presente no musical ‘Frontier’.

Os ‘Scalamusic’ são três grupos e a Portugal vieram quatro artistas, Maria Isabel Pané disse que as artes são um “instrumento muito importante” para passar a mensagem das migrações porque a música “consegue falar ao cérebro, ao coração” e as “palavras cantadas são mais fortes, diretas, do que as palavras escritas”.

A 30.ª edição do Festival Vicarial da Canção Jovem Cristã, da Equipa Vicarial da Pastoral Juvenil do Seixal, teve como tema ‘Recebeste de graça, dai de graça’, este sábado (25 maio), no Seminário João Baptista Scalabrini, na Amora.

“Uma das formas de chegar aos jovens ainda hoje é a música e a partir da música, da temática procuramos que cada paróquia procurasse testemunhar Cristo na forma como vive a sua fé nas suas comunidades e este é sempre um momento de encontro”, disse o padre Rui Simão.

A Banda ‘Décimo Terceiro’, da Paróquia de Fernão Ferro, venceu o 1.º prémio e a categoria ‘melhor música’ com a canção ‘Dá-(te) de Graça’.

Filipa Santos explicou que a música “é um meio” para serem o “13.º discípulo de Cristo” e, através dela, “levar a Boa Nova”, por isso, ganhar o primeiro lugar “apenas veio reforçar o sentimento de missão/dever cumprido de evangelizar”.

“O festival sempre assumiu uma enorme importância para nós pois torna-se um momento onde podemos fazer mas também refletir e aprofundar a Palavra sob um determinado tema através da partilha e convívio com outros jovens. É nesta comunhão que crescemos em Cristo”, desenvolveu à Agência ECCLESIA.

O padre Rui Simão, da equipa do EVIPAJIL, realça que apesar da distribuição dos prémios “o mais importante é testemunhar esta fé em Cristo que une, que faz comunhão”.

Melhor Interpretação – Minha Vida em Doação | Grupo de Jovens Hope | Corroios;
Melhor Letra: Eu Sou Teu! | Grupo de Jovens da Arrentela | Arrentela;
Melhor Claque – Arrentela

“Pesou muito a harmonia geral da música, havia dois ou três temas que tinha uma qualidade muito boa, foi difícil a decisão e tivemos de ir pormenores”, explicou Eduardo Cardoso, membro do júri, que destacou o “empenho dos jovens, alegria em palco, em interpretar, tocar”.

O Festival Vicarial da Canção Jovem Cristã realizou-se pela 30.ª edição, e “Edu”, que participou como concorrente pela primeira vez em 1993, recordou “as amizades”, os jovens “unidos por uma causa” e “o convívio entre todas as paróquias”.

A 30.ª foi organizada pela Paróquia da Amora e Inês Simões destacou a “participação da comunidade” e a “grande adesão” no festival que “é um ponto de ligação” e estabelece “pontes” e a “partilha”.

“Há entreajuda, companheirismo, mesmo tendo teor de competição existe sempre partilha enorme”, acrescentou sobre o encontro que em 2020 vai ser organizado pela Paróquia de Corroios.

“Celebrar uma ocasião tão significativa é um momento de festa e júbilo, em que se faz memória agradecida do passado, mas que nos impele a olhar os desafios do futuro e a procurar novos caminhos, em Igreja, ao serviço do Evangelho; Que a vossa música e os textos que ela leva consigo sejam expressão da alegria do Evangelho que nos faz encontrar Cristo e partilhá-lo com aqueles que encontramos”, escreveu bispo de Setúbal, D. José Ornelas, numa mensagem publicada no guião do encontro.

CB/OC

Canções Concorrentes
● Entrega | J.E.N | Paio Pires
● Recebemos de Graça | Grupo de Jovens Águas Vivas  | Miratejo
● Eu Sou Teu! | Grupo de Jovens da Arrentela | Arrentela
● Minha Vida em Doação | Grupo de Jovens Hope | Corroios
● Ser Graça para os Outros | Grupo de Jovens Eccomi | Amora
● Dá-(Te) de Graça  | Décimo Terceiro | Fernão Ferro
● De Graça Esperamos  | Grupo de Jovens Hope | Corroios
● Creio em Ti  | Grupo de Jovens da Arrentela | Arrentela
● Recebestes de Graça, Dai de Graça | Grupo de Jovens Eccomi | Amora
● Banda Convidada:  Olha à Volta e Vê  | Grupo de Jovens Fénix | Vale de Milhaços
Partilhar:
Share