Iniciativa de resposta à pandemia conta com apoio de instituições locais

Cidade do Vaticano, 04 ago 2021 (Ecclesia) – A Diocese de Roma apresentou os resultados do ‘Fundo Jesus Divino Trabalhador’, uma iniciativa promovida pelo Papa que ajudou 2500 pessoas a sair “da pobreza e da solidão” na capital italiana, em resposta à pandemia.

O objetivo do programa era ajudar aqueles que “perderam tudo” devido à Covid-19 com subsídios, ajudas no pagamento de rendas e para o regresso ao mundo do trabalho, precisa o portal de notícias do Vaticano.

O trabalhado desenvolvido ajudou ainda a “tirar muitas pessoas do abismo da solidão para o qual o confinamento e outras medidas restritivas as empurraram”.

A Região do Lácio e o Município de Roma aderiram ao projeto do Papa, formando a “Aliança por Roma”, distribuindo mais de 2,2 milhões de euros.

“Ao inventar esta ferramenta, graças a uma intuição do Santo Padre, juntos, como uma equipa, criamos uma almofada, um paraquedas, para reagir a um choque imprevisto. Temos sido resilientes e conseguimos apoiar a nossa comunidade”, disse a presidente do Município, Virginia Raggi.

OC

Partilhar:
Share