Fátima, Santarém, 05 mar 2015 (Ecclesia) – O reitor do Santuário de Fátima elogiou a dedicação de duas igrejas portuguesas aos beatos Francisco e Jacinta e pediu que a decisão ajude a divulgar melhor a sua mensagem, “para a viver mais intensamente”.

“A escolha dos dois pequenos videntes de Fátima como titulares de novas igrejas é significativa, pois manifesta confiança na sua intercessão mas igualmente desejo de imitar a atitude destas duas candeias que Deus acendeu, como delas falou São João Paulo II, no ano 2000”, refere o padre Carlos Cabecinhas, num comunicado enviado à Agência ECCLESIA pela sala de imprensa do Santuário de Fátima.

As novas igrejas na Paróquia de Nossa Senhora da Conceição de Montijo (Diocese de Setúbal), e na Paróquia de São Tiago dos Marrazes (Diocese de Leiria-Fátima) foram dedicadas respetivamente nos dias 20 e 22 de fevereiro.

Para a irmã Ângela Coelho, postuladora da causa de canonização de Francisco e Jacinta Marto, “há um aumento crescente” do interesse pela vida e mensagem dos pastorinhos.

“A transformação operada na vida dos dois videntes, após a experiência do amor de Deus através da Luz que eles acolheram das mãos da Senhora do Rosário, tem sido fonte crescente de inspiração para tantos crentes”, considera.

SISF/CB

Partilhar:
Share