Foto: Voz Portucalense

Porto, 07 ago 2020 (Ecclesia) – O Paço Episcopal do Porto reabriu esta semana ao público, depois do encerramento por causa da pandemia de Covid-19, com novas salas e a apresentação de peças da coleção dos Viscondes de S. João da Pesqueira.

“Cristãos devotos e benfeitores da Igreja, os Viscondes deixaram vários bens à Diocese do Porto que, assim, honra a sua memória, apresentando ao público parte do espólio do seu generoso legado à Igreja Portucalense”, informa o jornal da diocese.

No Paço Episcopal é possível visitar a Sala dos Espelhos, “lugar de receção de personalidades da sociedade religiosa e civi;, a Sala dos Paços Perdidos, em tempos utilizada como sala de espera para audiências episcopais, a Capela; a Sala Verde; e a Sala do Trono ou Sala Vermelha, onde decorria a cerimónia oficial de tomada de posse dos bispos”, informa o ‘Voz Portucalense’.

O Paço Episcopal do Porto é hoje a residência do bispo, funcionando também como Cúria Diocesana e outros serviços; em 2016, por iniciativa do então bispo do Porto D. António Francisco dos Santos, foi aberto ao público.

OC

Partilhar:
Share