Bispo divulga mensagem para assinalar início do outubro missionário

 

Porto, 01 out 2020 (Ecclesia) – O bispo do Porto divulgou hoje uma mensagem em vídeo para assinalar o início do outubro missionário, referindo às comunidades católicos que o ofertório anual para as Missões deve “ser levado muito a sério”.

D. Manuel Linda realça que a ação missionária dos cristãos assume a “responsabilidade na promoção dos mais frágeis” e pode ser feita de duas formas: “Ajudar o seu desenvolvimento integral, e isso supõe o contributo económico”, e o “anúncio de Jesus Cristo”.

A celebração do Dia Mundial das Missões acontece anualmente no terceiro domingo de outubro (18 de outubro, em 2020); os donativos recolhidos nas Missas destinam-se a apoiar o trabalho das Obras Missionárias Pontifícias.

D. Manuel Linda observa que, neste tempo de pandemia e “não obstante as desigualdades entre países e pessoas”, as pessoas são “frágeis quando a desgraça bate à porta”.

Como somos “irmanados da mesma natureza”, esta pertença à casa comum devia “levar-nos a sermos mais solícitos por aqueles que são frágeis”, indica o responsável católico.

O bispo do Porto refere, na sua mensagem, que Portugal é um país “eminentemente missionário”, particularmente a partir dos descobrimentos, e fez da missionação “uma componente da sua forma de estar no mundo”.

“A necessidade de ir não é apenas dirigida a um jovem, mas uma responsabilidade de todos”, mesmo aqueles que têm família constituída, acrescenta.

“Que este outubro seja de empenho para todos nós mediante a oração e preocupação com os mais frágeis”, conclui D. Manuel Linda.

LFS/OC

Covid-19: Igreja assume desafios da pandemia na celebração do outubro missionário

Partilhar:
Share