Frei Hermínio Araújo, religioso franciscano, conversa com a ECCLESIA sobre celebração de um dia de luto nacional e homenagem a todos os falecidos, em especial às vítimas da pandemia da Covid-19. A jornada de luto acontece num ciclo “muito significativo” para os católicos, contexto da festa de Todos os Santos (1 de novembro) e da comemoração dos Fiéis Defuntos (2 de novembro), celebrações que se “completam”, pela “comunhão espiritual com os santos” de cada família e cada casa.

Partilhar:
Share