Presidente da Assembleia Legislativa Regional da Madeira (ALRM) fala dos «testemunhos de vida notáveis» que encontra nas suas visitas às IPSS

https://youtu.be/QGXcfdea0xI

Funchal, Madeira, 14 ago 2020 (Ecclesia) – José Manuel Rodrigues, presidente da Assembleia Legislativa Regional da Madeira (ALRM), escolhe entre as suas memórias o encontro com o Papa João Paulo II, quando ele passou pela ilha, em maio de 1991

“Foi realmente marcante”, do ponto de vista pessoal e profissional”, refere o responsável político, na altura jornalista, que se afirma marcado pela “serenidade e forma de estar” do Papa polaco, com um pontificado de “grande caráter político.

A conversa com a Agência ECCLESIA passou ainda pela admiração por Adelino Amaro da Costa, um dos fundadores do CDS, que morreu em 1980 no acidente de Camarate, recordado pelo seu “carisma impressionante, cativante”.

O presidente da ALRM diz encontrar no seu trabalho “testemunhos de vida notáveis”, elogiando em particular o trabalho “invisível” de IPSS e instituições católicas de solidariedade.

José Manuel Rodrigues elogia as “pessoas extremamente dedicadas às causas que abraçaram”, nas IPSS, um “pilar essencial do país” e a que “nem sempre os Governos atribuem a maior importância”

“Há santos, realmente, ao nosso lado”, acrescentou, citando o Papa Francisco.

A entrevista aborda ainda o papel das instituições religiosas responsáveis pelos serviços de Saúde Mental na Madeira e as Conferências Vicentinas.

José Manuel Rodrigues é o convidado, esta semana, do programa Ecclesia na Antena 1 da rádio pública, pelas 22h45, e das ‘Conversas aGOSTO’, publicadas online de segunda a sexta-feira, a partir das 17h00.

OC

Partilhar:
Share