Formação «Ser Catequista» vai ter a duração de 20 horas e 6 temas

Viana do Castelo, 12 abr 2019 (Ecclesia) – O diretor do Setor da Catequese do Patriarcado de Lisboa, padre Tiago Neto, pretende que o “novo curso” de formação inicial para catequistas seja “mais catecumenal e menos escolar”.

A formação inicial «Ser Catequista» vai ter a duração de “20 horas e 6 temas numa abordagem mais catecumenal e menos escolar”, referiu o padre Tiago Neto no encontro nacional de catequese que está a decorrer em Viana do Castelo.

«As dimensões essenciais da catequese contemporânea» foi o tema abordado pelo responsável da catequese de Lisboa e pelo diácono Paulo Campino, diretor do Secretariado da Catequese da Infância e Adolescência da Diocese de Santarém, aos cerca de 70 responsáveis da catequese, reunidos neste encontro sobre «Ajudar os catequistas a SER – Uma missão diocesana prioritária».

O novo curso “pretende a articulação entre a fé e a vida do catequista” procurando ir ao encontro da «Gaudium et Spes» (II Concílio do Vaticano) que “acentua a dimensão do sujeito e a sua resposta à fé e à revelação divina”.

“A grande questão da formação de agentes catequéticos passa por se conseguir uma articulação entre a fé e a vida em contraponto ao distanciamento criado durante séculos entre as duas realidades”, frisou o responsável.

Para que tal seja possível o padre Tiago Neto sustentou que a formação «Ser Catequista» procura colocar a pessoa “perante si mesma, diante da sua realidade e numa dinâmica de liberdade em resposta à vocação a que é chamada”.

No final da apresentação o diácono Paulo Campino, explicou que a nova formação “partiu do antigo curso de iniciação” e que a mesma “não traz propriamente novos conteúdos, mas sim uma nova abordagem”.

A nova formação surgiu de “um pedido da Comissão Episcopal da Educação Cristã e Doutrina da Fé a um grupo de catequistas” de várias dioceses portuguesas e foi elaborado “tendo por base o anterior curso de iniciação que foi adaptado a uma nova matriz e orientação”, revelou o responsável.

O novo curso «Ser Catequista» parte do Diretório Geral da Catequese, documento que acentua as 6 tarefas, para viver e integrar na vida dos nossos catequizandos.

LFS

Partilhar:
Share