Bispo auxiliar de Braga proferiu conferência nas jornadas nacionais de catequistas a decorrer online até este domingo

Lisboa, 24 out 2020 (Ecclesia) – O bispo auxiliar de Braga, D. Nuno Almeida, disse este sábado, nas jornadas nacionais de catequistas, que a família deve ser “o motor de ação pastoral” porque está na “interseção da presença na sociedade”.

“A família é e deve ser o motor de ação pastoral porque está na interseção da presença na sociedade; é a partir da experiência em família que conhecemos o amor de Deus, só assim conseguimos que sejam Igrejas domésticas e ao mesmo tempo fermento na sociedade”, afirma. 

O prelado apresentou a intervenção “A família como Igreja Doméstica na Exortação Apostólica “Amoris Laetitia” e convidou os catequistas a ajudar os pais, numa “relação mútua”, na educação religiosa dos seus filhos.  

“Os pais não se bastam a si próprios na questão da fé, mesmo que sejam os primeiros educadores da fé, e os catequistas não querem ser substitutos mas parceiros na educação da fé”, explica.

O bispo auxiliar de Braga apontou ainda que as famílias “não podem ter medo nem vergonha” de se tornarem evangelizadoras, porque é a partir do exemplo e vivência da fé em família que se tornam missionários. 

“O desafio da pastoral catequética familiar é conseguir que recuperem ou assumam a função educativa e consciente de responsabilidade e capacidade de educação religiosa dos filhos; tem de haver consciência do pároco para que, decididamente, percorram os caminhos da catequese com a família e para a família”, aponta.

A família, que “continua a ser o lugar efetivo e afetivo da educação da fé” é para o prelado um “grande testemunho de alegria do amor, apesar das crises” e o “primeiro anúncio do evangelho e boa nova ao mundo”.

“É necessário que haja uma irradiação, juntos de amigos e conhecidos, da alegria do amor na própria vida familiar, dar este testemunho aos outros”, considera.

As jornadas nacionais de catequistas 2020 acontecem pela primeira vez online e as conferências ficam disponíveis no Youtube.

SN

Partilhar:
Share