Braga, 29 out 2019 (Ecclesia) – O ‘Grupo ao 3º Dia’, constituído por cristãos com vivência de doença grave e/ou crónica, vai realizar hoje uma sessão de apresentação, às 21h00, na Paróquia de São Vítor, na cidade de Braga.

Através das vivências dos caminhantes do «Grupo ao 3º Dia», estes cristãos procuram “encontrar sentido e luz”, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

Mariana Abranches Pinto, responsável pelo grupo, explica que se trata de um grupo dirigido a cristãos que sejam doentes e que queiram, juntamente com outros doentes, procurar “encontrar sentido e luz, num caminho de maior aceitação e integração da realidade”, refere.

O grupo que nasceu na Diocese do Porto e deu os primeiros passos em 2013, e já está no Patriarcado de Lisboa, desde 2017, e na Arquidiocese de Braga, desde 2018, pretende fazer caminho com pessoas doentes ou que acompanhem quem está em sofrimento.

O grupo ‘Ao 3.º dia’ foi fundado por Mariana Abranches Pinto que durante a sua doença oncológica sentiu necessidade de pertencer a um grupo e partilhar vivência e as interrogações sobre o sentido do sofrimento numa perspetiva cristã.

LFS

 

Especial: Viver a fé perante a doença

Partilhar:
Share