Grupo «Ao 3.º Dia» faz do confronto com a fragilidade um caminho de esperança para quem sofre

Foi no confronto com a sua doença oncológica e a doença da sua filha, na altura com 2 anos, que Mariana Abranches Pinto sentiu a inquietação de formar um grupo de apoio e de partilha na doença.

Arquiteta paisagista de formação, aponta a esperança e confiança em Deus para um caminho que não é fácil, que coloca muitas perguntas, que faz sofrer, chorar e que mexe com todo o equilíbrio familiar. Mas nas perguntas podem surgir respostas: ao terceiro dia pode também surgir a redenção e o sentido para um caminho que não se escolhe mas que é dado viver.

Aos 45 anos, mãe de dois filhos com quem partilhou diferentes estádios de doença, Mariana Abranches Pinto recorda a história do grupo ‘Ao 3.º Dia’, nascido há cinco anos e que hoje reúne “40 caminhantes” no Porto e em Lisboa.

O terceiro dia é acreditar na ressurreição e ver mais fundo

 

‘Ao 3.º Dia’ é uma proposta de caminho com pessoas doentes ou que acompanham quem está em sofrimento. Percursos oncológicos, Parkinson, esclerose múltipla, artrite reumatoide, doença de Crohn – sintomas e dificuldades diferentes que se encontram numa plataforma comum que é a fé.

A partilha e a alegria de se sentir acolhido na mesma dificuldade abre um caminho de compreensão e integração, mesmo que o sofrimento seja companheiro. Aqui encontramos Leonor Kendall que, com 47 anos, vive com a doença de Crohn.

Nazaré Mexia Alves está no grupo ‘Ao Terceiro Dia’ desde o início: há alguns anos recebeu um email com a ideia original de partilha entre doentes. Depois de passar por um cancro, fala numa intimidade respeitadora e na possibilidade de viver saudavelmente a doença.

O confronto com a fragilidade mostra-nos quão frágeis nós somos

Luísa Viterbo é médica oncologista no Instituto Português de Oncologia. Agradece ao grupo ‘Ao Terceiro Dia’ ter-lhe dado uma visão para estar com os seus pacientes de forma diferente, depois de acompanhar a mãe com um cancro terminal.

 

O grupo ‘Ao Terceiro Dia’ reúne-se na cidade do Porto e recentemente começou a dar os primeiros passos em Lisboa. Para mais informações procure o sitio na internet do grupo http://ao3dia.pt/  ou envie um email para grupoao3dia@gmail.com.

LFS/LS

<iframe width="560" height="315" src="https://www.youtube.com/embed/a5NrOzcnSGE" frameborder="0" allow="autoplay; encrypted-media" allowfullscreen></iframe>
Partilhar:
Share