Comunicado deixa votos de «prosperidades pessoais e pastorais» ao novo bispo de Viana do Castelo

Foto: Igreja Açores

Angra do Heroísmo, Açores, 22 set 2021 (Ecclesia) – A Cúria Diocesana de Angra desejou “as maiores prosperidades pessoais e pastorais” a D. João Lavrador, que foi nomeado esta terça-feira como bispo de Viana do Castelo, e agradeceu “o seu trabalho, dedicação e entrega ao povo de Deus” nos Açores.

“É com pesar que vemos partir o nosso bispo, ao mesmo tempo que lhe desejamos as maiores prosperidades pessoais e pastorais, sempre ao serviço da Igreja e da Sociedade no nosso país”, escreveu o vigário-geral, em comunicado divulgado pelo portal ‘Igreja Açores’.

O cónego Hélder Fonseca Mendes agradece a D. João Lavrador “todo o seu trabalho, dedicação e entrega ao Povo de Deus” no arquipélago.

O Papa Francisco nomeou D. João Lavrador, até agora bispo de Angra, como novo responsável pela Diocese de Viana do Castelo, sucedendo a D. Anacleto Oliveira, que faleceu num acidente de viação a 18 de setembro de 2020.

“Com esta nomeação, o vigário-geral e os vigários episcopais cessam as suas funções”, assinala o cónego Hélder Fonseca Mendes, indicando que continuam “a rezar todos os dias pelo bispo cessante, sem descurar as preces pela nomeação de um novo bispo para os Açores segundo o coração do Bom Pastor”.

O sítio online ‘Igreja Açores’ destaca que o episcopado D. João Lavrador fica marcado pelo “desafio da caminhada sinodal, iniciada há três anos”.

O 39.º bispo de Angra ordenou 13 sacerdotes diocesanos, presidiu a três reuniões do Conselho Presbiteral e do Conselho Pastoral.

A par das vigararias nascente (São Miguel e Santa Maria), do centro (Terceira, Graciosa e São Jorge) e do ocidente (Pico, Faial, Corvo e Flores), criou ainda a Vigararia da Formação, reativou o Instituto Católico de Cultura, e foram retomadas as Jornadas de Teologia, no Seminário Episcopal de Angra, com a produção de uma revista científica ‘Fórum Teológico XXI’.

D. João Lavrador, que se vai manter como administrador diocesano até à tomada de posse em Viana do Castelo, acompanhou e coordenou, com o Movimento da Mensagem de Fátima, a visita da Virgem Peregrina de Fátima aos Açores, que foi o seu primeiro contacto com as comunidades pastorais das nove ilhas, entre janeiro e fevereiro de 2016, recorda o sítio online diocesano.

CB/OC

Açores: D. João Lavrador deixa mensagem de gratidão à «maravilhosa» Diocese de Angra

Partilhar:
Share