O cónego Adriano Borges elogiou “a serenidade e o silêncio vivido” no Campo de São Francisco

Ponta Delgada, Açores, 17 mai 2020 (ECCLESIA) – O cónego Adriano Borges disse hoje, na celebração das festas do Senhor Santo Cristo dos Milagres, que apesar da pandemia que se vive “Ele não está enclausurado, Ele é a flor maior da vida”.

O reitor do Santuário do Senhor Santo Cristo dos Milagres (Ponta Delgada – Ilha de São Miguel) referiu na homilia desta festa que “é impossível não falar da tristeza que se abateu sobre a cidade, ilha, Açores”, mas o Senhor Santo Cristo dos Milagres “não está fechado nem enclausurado”.

“Não há festa, não há encontro entre as pessoas e o Senhor Santo Cristo que percorria as ruas da cidade”, mas “Ele é a flor maior da vida que atravessa o coração dos devotos”, frisou.

Pela primeira vez em 320 anos a imagem do Senhor Santo Cristo dos Milagres não sai esta tarde em procissão, pelas principais ruas de Ponta Delgada, devido ao cancelamento das festas em virtude da pandemia provocada pela Covid-19.

Aos devotos do Senhor Santo Cristo “espalhados por todos os cantos do mundo”, o cónego Adriano Borges deixou também uma mensagem de esperança que o futuro será melhor.

Na homilia elogiou também o “bom senso das pessoas” e a “tentação dos grandes grupos” não se verificou, tudo se fez “de forma ordeira”

“É bonito de se ver a serenidade e o silêncio que se vive” no Campo de São Francisco, local onde está situado o Santuário do Senhor Santo Cristo.

Em relação ao futuro, pediu que o campo de São Francisco se chamasse o Campo do Senhor, “um lugar próprio para o silêncio e oração”.

Na celebração, o cónego Adriano Borges falou na impossibilidade da presença de D. João Lavrador, Bispo de Angra, e recordou os 50 anos de ordenação sacerdotal de D. António Sousa Braga, bispo emérito de Angra que ordenado em Roma, Praça de São Pedro, pelo Papa Paulo VI

Este ano, as festas do Senhor Santo Cristo seriam presididas pelo cardeal D. José Tolentino Mendonça, mas a pandemia obrigou a novos planos.

No próximo ano, “se tudo voltar à normalidade vai ser o cardeal D. José Tolentino Mendonça a presidir às festas do Senhor Santo Cristo”, anunciou o reitor.

Este domingo, dia que a imagem sairia para a procissão solene e para a missa campal no Campo de São Francisco, foi celebrada uma missa que foi transmitida pela RTP Açores, Canal 1 da RTP e RTP Internacional.

LFS

Partilhar:
Share