Padre Carlos Cabecinhas apresentou dados dos primeiros seis meses, após dois anos “excecionais”

Foto: Santuário de Fátima

Fátima, 12 ago 2018 (Ecclesia) – O reitor do Santuário de Fátima divulgou que foram registados 3.741.233 participantes nas celebrações, segundo os dados estatísticos parciais de afluência de peregrinos, até 31 de julho, quer no programa oficial da instituição, quer nos programas dos grupos.

“Trata-se de um número semelhante ao registado em igual período de 2015 (3.674.648)”, disse o padre Carlos Cabecinhas, hoje, na conferência de imprensa da Peregrinação Aniversária de 12 e 13 de agosto ao Santuário de Fátima.

O reitor explicou que fizeram a comparação com o ano de 2015 porque 2016 e 2017 “foram excecionais”, sobretudo o ano passado com o do Centenário das Aparições de Nossa Senhora aos pastorinhos na Cova da Iria.

“Os números registados superaram as nossas expectativas mais otimistas”, observa.

Segundo os dados estatísticos parciais de afluência apresentados houve um “ligeiro acréscimo de grupos estrangeiros” e uma ligeira diminuição de grupos nacionais, em comparação com 2015: Grupos estrangeiros: 1.484, com 75.038 peregrinos e em 2015 registaram 1.465 grupos, com 65.680 peregrinos; Grupos de Portugal: 1.026, com 250.112 peregrinos, e há dois anos foram 1015 grupos, com 270.350 peregrinos.

O padre Carlos Cabecinhas realçou ainda que na última década, entre 2007 e 2017, o santuário tem “estabilizado o número de peregrinos participantes nas diferentes celebrações”, com uma “média nos 5,5 a 6 milhões de peregrinos por ano”.

O reitor dos Santuário de Fátima assinalou que o Santuário de Lourdes (França) “tem uma média de 2,5 a 3 milhões de participantes” nas celebrações e o Vaticano “tem 4 milhões” nas celebrações, sem contar com os visitantes nos museus ou na própria Basílica.

CB

Partilhar:
Share