O encontro terminou com celebração do envio e compromisso «todos, tudo e sempre em Missão»

Foto: Diocese de Vila Real

Vila Pouca de Aguiar, 07 out 2019 (Ecclesia) – A Diocese de Vila Real dinamizou o seu Dia do Catequista, com o tema ‘Catequese e Missão’, que reuniu “cerca de 300” agentes pastorais em Vila Pouca de Aguiar.

“A Igreja confia-vos uma missão importante, também bonita, exigente e difícil», disse o bispo de Vila Real, segundo informação enviada à Agência ECCLESIA.

Aos cerca de 300 catequistas D. António Augusto Azevedo destacou a importância do testemunho da “alegria fundada na descoberta do Rosto de Jesus”.

O Dia Diocesano do Catequista, organizado pelo Secretariado Diocesano da Catequese, contou com a colaboração dos catequistas de Vila Pouca de Aguiar, e diversos Secretariados Diocesanos de Vila Real – pastoral da família, juvenil, infância missionária.

‘Catequese e Missão’ foi o tema do encontro onde os participantes ouviram o coordenador do Secretariado Nacional da Educação Cristã, o professor Fernando Moita, um testemunho missionário da Arquidiocese de Braga.

Foto: Diocese de Vila Real

O programa proporcionou workshops para “refletir os vários contextos da missão”, a apresentação do projeto catequético ‘Say Yes’, de caminho para a Jornada Mundial da Juventude 2022, em Lisboa.

“Ficou reforçada a necessidade de cada cristão e, neste caso, de cada catequista levar a mensagem de Deus àqueles que os rodeiam ou àqueles que lhes são confiados para que os ajudem a chegar até Ele, fazendo caminho com eles, como verdadeiros discípulos missionários, deixando muitas vezes a nossa zona de conforto”, realçam da apresentação das conclusões.

O Dia Diocesano do Catequista de Vila Real terminou com celebração do envio e compromisso missionário ‘Todos, tudo e sempre em Missão’, o lema do Ano Missionário Especial que a Igreja Católica em Portugal viveu durante este ano pastoral e que encerra no próximo dia 20.

CB

Partilhar:
Share