D. João Lavrador aponta à JMJ 2023 como «oportunidade de renovação»

Foto: Diocese de Viana do Castelo

Viana do Castelo, 19 set 2022 (Ecclesia) – O Centro Pastoral Paulo VI, da Diocese de Viana do Castelo, acolheu este sábado a apresentação da mensagem e calendário pastoral para o ano 2022-2023, sob o tema ‘Jovem Convida Jovem’, apontando à Jornada Mundial da Juventude (JMJ) do próximo ano, em Lisboa.

O bispo diocesano, D. João Lavrador, destacou a importância de valorizar os “sacramentos da iniciação cristã, assim como o desenvolvimento de uma comunidade que vise promover a igual dignidade dos membros do Povo de Deus”, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

O responsável católico apontou à necessidade de ver na Jornada Mundial da Juventude de Lisboa (01-06 agosto de 2023) como “oportunidade de renovação” da Diocese do Alto Minho, apresentando como prioridade a “promoção de novos ministérios eclesiais e a valorização dos Conselhos Pastorais”.

Na sua mensagem para o ano 2022-2023, divulgada online, D. João Lavrador evoca a caminhada sinodal convocada pelo Papa, referindo que esta “deve envolver todos os batizados e todas as comunidades cristãs.

Foto: Diocese de Viana do Castelo

O bispo de Viana do Castelo fala na importância de “despertar de todos os jovens para a participação na Jornada Mundial da Juventude” e apresentar “traços de orientação pastoral para ação pastoral”.

“Estamos num tempo tremendamente exigente, mas igualmente aliciante para quem se coloque perante Jesus Cristo e se deixe tocar pelo seu convite a segui-lo na missão evangelizadora”, acrescenta.

O responsável escreve sobre a transformação cultural do mundo contemporâneo, pedindo atenção para os “novos caminhos que se abrem para a evangelização”.

OC

O encontro de sábado contou com a presença do padre José Domingos Meira, diretor do Secretariado Diocesano Da Pastoral Juvenil, que reforçou o convite à participação na JMJ 2023 e apresentou as principais linhas do trabalho a ser desenvolvido, em particular nos chamados “Dias nas Dioceses”, que antecedem o encontro de Lisboa.

 

Partilhar:
Share