Francisco terminou visita ao país com uma breve cerimónia de despedida no aeroporto de Iquique

Iquique, 18 jan 2018 (Ecclesia) – O Papa Francisco partiu esta quinta-feira do Chile, no final da primeira etapa da sua 22.ª visita apostólica internacional, que durou quatro dias e inclui passagens pelas cidades de Santiago, a capital chilena, Temuco e Iquique.

O avião papal levantou voo do aeroporto internacional ‘Diego Aracena’, na cidade de Iquique, rumo a Lima, a capital do Peru, onde Francisco irá estar durante os próximos três dias, até este domingo.

Na hora de embarcar numa nova viagem, de cerca de duas horas, o Papa argentino contou com uma saudação especial da presidente do Chile, Michelle Bachelet, e com a presença de vários grupos de fiéis e de delegações chilenas que aproveitaram a oportunidade para deixar com entusiasmo um último cumprimento ao pontífice.

A comitiva papal seguiu para Lima num avião da companhia chilena LATAM, que deverá tocar solo peruano por volta das 22h20.

O Papa Francisco foi o segundo pontífice a visitar o Chile, depois de João Paulo II ter estado naquela nação da América do Sul em 1987.

JCP

Partilhar:
Share