Cidade do Vaticano, 08 jun 2021 (Ecclesia) – O Papa recebeu no Vaticano uma criança atingida por uma bala perdida, durante um acerto de contas da Camorra numa praça de Nápoles, em 2019.

Noemi Staiano, que ficou gravemente ferida, estava acompanhado pelos seus pais e o arcebispo de Nápoles, Domenico Battaglia.

O encontro, na Casa de Santa Marta, onde Francisco reside, decorreu na tarde de segunda-feira.

“A Mafia destrói esperanças, atropela direitos, mas Deus sempre seguirá os passos da vossa maravilhosa criatura. Olhemos em frente”, pediu o Papa aos pais da criança.

Tania Esposito, mãe de Noemi, falou ao portal ‘Vatican News’ num “encontro emocionante” que era um “sonho” para a família.

A menina recupera dos ferimentos e, segundo a mãe, “o pior já passou”.

“Ela esteve num estado muito grave, também dissemos ao Papa que, para lá da capacidade dos médicos, a nossa filha é certamente um milagre vivo”, relatou.

OC

Partilhar:
Share