Francisco recebeu as Cooperadoras Oblatas Missionárias da Imaculada pelo 70º aniversário do nascimento do Instituto

DR

Cidade do Vaticano, 20 nov 2021 (Ecclesia) – O Papa Francisco recebeu, este sábado, em audiência as Cooperadoras Oblatas Missionárias da Imaculada pelo 70º aniversário do nascimento do Instituto e pediu-lhes para estarem “inseridas no Mundo” onde a “dignidade é violada”.

“A profecia da consagração secular é incompatível com o temor de lugares e situações em risco. Pelo contrário, são precisamente estas situações que favorecem tal consagração, lá onde as pessoas sofrem exclusão, marginalização, onde sua dignidade é violada”, disse o Papa, no discurso divulgado pela Santa Sé.

Francisco apontou que ser consagrada num instituto secular “não significa refugiar-se numa “terra de meio” mas partilhar a “condição das pessoas comuns, a rotina diária do trabalho, da casa, das relações de vizinhança, etc., tudo animado pela luz da fé, pelo calor da caridade, e pelo horizonte da esperança”.

O encontro celebrou o 70º aniversário do nascimento do Instituto e o 20º aniversário de sua aprovação pontifícia e o Papa apontou que “quanto maior a massa a ser fermentada, mais rica deve ser a qualidade do fermento”.

“Ser consagradas em um Instituto secular significa viver o espírito da Encarnação no tempo e no lugar em que Deus nos colocou”, salientou Francisco.

SN

Partilhar:
Share