Matteo Bruni foi nomeado pelo Papa Francisco na última quinta-feira

Cidade do Vaticano, 22 jul 2019 (Ecclesia) – Matteo Bruni assume hoje a direção da Sala de Imprensa da Santa Sé, após ter sido nomeado pelo Papa Francisco na última quinta-feira, dia 18 de julho.

Numa declaração publicada hoje na Sala de Imprensa, o novo diretor agradece aos diretor-interino, Alessandro Gisotti, por ter conduzido generosa e sabiamente a relação do Vaticano com os media e a “delicada e decisiva tarefa de informar”.

“Tenho consciência da delicada e decisiva tarefa de informar e estou certo que posso contar com o apoio dos meus colegas, com quem aprendi a conhecer e a valorizar o profissionalismo nestes anos, intensos, de trabalho para a Santa Sé”, escreve Matteo Bruni.

O novo diretor da Sala de Imprensa refere os 10 anos de trabalho no Vaticano “com espírito de serviço ao Papa e à Santa Sé” e a sua “experiência” e as suas “forças”.

“Agradeço ao Santo Padre pela sua confiança e ao prefeito do Dicastério para as Comunicações, Paolo Ruffini, pelo apoio do Dicastério, que estou certo, não faltará”, conclui Matteo Bruni.

Natural de Winchester, na Inglaterra, onde nasceu a 23 de novembro de 1976, Matteo Bruni estudou Letras e Literatura Estrangeira Moderna e Contemporânea, na Universidade La Sapienza de Roma.

O novo diretor da Sala de Imprensa da Santa Sé é casado, tem uma filha e para além do inglês e do italiano, fala espanhol e francês, e esteve envolvido “em projetos de cooperação humanitária e em programas de apoio aos idosos”.

Em dezembro de 2013, Matteo Bruni assumiu a responsabilidade de organizar e acompanhar a imprensa nos voos do Papa Francisco, por ocasião das viagens fora da Itália, mas já trabalha na assessoria de imprensa da Santa Sé há 10 anos, desde julho de 2009.

CB/PR

Partilhar:
Share