Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida promovem iniciativas para que os “jovens doem o seu tempo aos mais pobres e marginalizados”

Cidade do Vaticano, 12 nov 2022 (Ecclesia) – O Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida promove iniciativas para que a Jornada Mundial da Juventude nas igrejas particulares, a 20 de novembro, seja vivida em sintonia com o Dia Mundial dos Pobres.  

“O Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida aponta a providencial coincidência de tempo como uma oportunidade para promover iniciativas onde os jovens doem o seu tempo e a sua força em favor dos mais pobres, dos marginalizados, dos rejeitados pela sociedade”, pode ler-se em nota divulgada pela Santa Sé. 

O documento adianta ainda que os jovens vão ter “possibilidade de se tornarem “protagonistas da revolução da caridade e do serviço, capazes de resistir às patologias do individualismo consumista e superficial”.

No dia 20 de novembro de 2022, Solenidade de Cristo Rei, celebra-se a XXXVII Jornada Mundial da Juventude nas Igrejas particulares e que este ano convida a viver esse momento em sintonia com o Dia Mundial dos Pobres.

“Na semana que de 13 a 20 de novembro, o Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida promove e apoia uma série de iniciativas que vão acontecer em várias partes do mundo para acompanhar os jovens a viver plenamente o chamamento do Papa a levantar-se e avançar apressadamente em direção àqueles que, pobres como Cristo, precisam do “abraço duma nova fraternidade missionária””, revela.

Entre as iniciativas, destaca-se a da Caritas Internacional, que vai lançar um programa de reflexão e ação de uma semana, intitulado ‘Cultivando a solidariedade: da oração à ação’ e , neste sábado, os jovens do Centro Internacional Juvenil San Lorenzo, junto à Basílica de S. Pedro, convidam os mais pobres e marginalizados a um momento de fraternidade e oração.

“Nos dias 19 e 20, em Lisboa, sede da Jornada Mundial da Juventude em agosto de 2023, a celebração será dedicada tanto aos adolescentes quanto aos jovens universitários, com o objetivo de oferecer-lhes uma experiência de comunhão eclesial e enviá-los em missão às comunidades paroquiais”, pode ler-se.

Com o objetivo de partilhar e criar uma rede de testemunhos, ações concretas, histórias e comunhão espiritual, o Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida, a Caritas Internacional e o Comité Organizador Local da JMJ Lisboa 2023 lançam a hashtag #AriseandGo, que retoma o tema da Mensagem do Papa Francisco para a Jornada Mundial da Juventude 2022-2023 “Maria levantou-se e partiu apressadamente”.

SN

 

Partilhar:
Share