Maximino Caballero integra equipa liderada pelo padre Juan Antonio Guerrero

Cidade do Vaticano, 04 ago 2020 (Ecclesia) – O Papa nomeou hoje como secretário-geral da Secretaria para a Economia (Santa Sé) o especialista espanhol Maximino Caballero, até agora nos quadros da ‘Baxter Healthcare Inc.’, nos Estados Unidos da América.

O responsável passa a integrar a equipa liderada pelo padre Juan Antonio Guerrero, jesuíta.

“De todas as oportunidades de carreira que poderia ter imaginado, esta é uma em que eu nunca sequer pensei, remotamente”, disse Maximino Caballero ao portal de notícias do Vaticano.

O convite para ocupar o cargo partiu de um amigo de infância, dado que Maximino Caballero e o padre Juan Antonio Guerrero são naturais da mesma localidade.

“Poder colaborar com a Santa Sé, ao serviço do Santo Padre, é uma honra e uma grande responsabilidade. Os meus ‘talentos’ são a minha experiência e o meu trabalho, e espero com eles poder fazer minha parte e colaborar para a transparência económica da Santa Sé”, aponta o número dois da Secretaria para a Economia.

Esta é uma estrutura de coordenação para as atividades económicas e administrativas da Santa Sé e do Vaticano, criada pelo Papa em fevereiro de 2014; tem funções de “controlo económico e vigilância” sobre “as estruturas e as atividades administrativas e financeiras dos Dicastérios da Cúria Romana, das Instituições ligadas à Santa Sé e do Estado da Cidade do Vaticano”.

Em março de 2015, a Santa Sé publicou os primeiros estatutos da Secretaria e do Conselho para a Economia, com critérios de “prudência e eficiência”.

O Conselho para a Economia tem como coordenador o cardeal alemão Reinhard Marx, arcebispo de Munique, que dirige um grupo com mais sete cardeais, para refletir a universalidade da Igreja, e sete peritos de várias nacionalidades.

OC

Partilhar:
Share