Fátima, 16 mar 2020 (Ecclesia) – A Direção do Serviço Nacional de Acólitos (SNA) informa que tem estado atenta “à evolução da situação epidémica” do coronavírus Covid-19 e cancelou a 24.ª peregrinação nacional ao Santuário de Fátima, que iam realizar dia 1 de maio.

Numa nota de imprensa enviada hoje à Agência ECCLESIA, a direção do SNA explica que pela atual situação que se “prevê que se prolongue no tempo” e pela “impossibilidade dos grupos e da direção” prepararem a Peregrinação Nacional de Acólitos “convenientemente, achou por bem cancelar” o encontro que estava agendado para o próximo 1 de maio.

“Pedimos a todos a compreensão e a responsabilidade social e cívica que esta crise epidémica requer para que seja ultrapassada”, escrevem os responsáveis.

A Direção do Serviço Nacional de Acólitos contextualiza que estado “atenta à evolução da situação epidémica” originada pelo do coronavírus Covid-19 e tem acompanhado as “diretivas da Direção Geral da Saúde, Conferência Episcopal Portuguesa e dioceses”, bem como em estreita ligação com a Comissão Episcopal de Liturgia e Espiritualidade e o Secretário Nacional de Liturgia.

Por exemplo, a Conferência Episcopal Portuguesa determinou a “suspensão da celebração comunitária das Missas”, até “ser superada atual situação de emergência” do Covid-19, e os bispos católicos das diversas dioceses (21) têm escrito notas e determinações sobre este tema de saúde pública.

O número de infetados pelo novo coronavírus em Portugal subiu para 331, anunciou hoje a Direção-Geral da Saúde.

Serviço Nacional de Acólitos é um departamento do Secretariado Nacional de Liturgia, destinado a promover e apoiar o exercício do ministério dos Acólitos, segundo as orientações da Igreja.

CB

Partilhar:
Share