Associação destaca também o perfil de professor e a «enorme paixão» por investigar e ensinar

Foto Vatican Media

Fátima, 03 jan 2023 (Ecclesia) – A Associação Portuguesa de Escolas Católicas (APEC) destacou do Papa emérito Bento XVI a “afirmação da verdade, em combate ao relativismo” como ideia central para a educação, que é “absolutamente coincidente com uma ideia central do seu magistério”.

“A afirmação da verdade, a afirmação inequívoca de que há uma verdade, em absoluto contraste com a ditadura do relativismo, a ideia de que tudo é relativo”, foi a “principal missão” que o Papa emérito confiou à educação, afirma a APEC, numa mensagem enviada à Agência ECCLESIA.

Segundo o presidente da direção da Associação Portuguesa de Escolas Católica, Fernando Magalhães, a “afirmação da verdade, em combate ao relativismo” é a ideia central para a educação, “seja católica ou não”, que é “absolutamente coincidente” com uma ideia central do magistério de Bento XVI.

O Papa emérito Bento XVI faleceu às 09h34 (menos uma em Lisboa) na manhã de 31 de dezembro de 2022, no antigo mosteiro ‘Mater Ecclesiae’, do Vaticano, onde residia desde 2013, após a sua renúncia ao pontificado.

A mensagem da APEC, sobre o ensino e à educação diz respeito, destaca também um aspeto ao nível pessoal do Papa emérito quanto ao ensino e à educação

“É imprescindível evocarmos o que Joseph Ratzinger foi em parte substantiva da sua vida: professor. E, a esse nível, ressaltar no seu perfil o melhor que se pode colher para o perfil de um professor: A atenção e proximidade ao aluno, o rigor, a preparação, a solidez, uma visão muito alargada da realidade”, assinala.

Neste contexto, destaca também a “enorme paixão” por investigar e ensinar, recordando o testemunho daqueles que foram seus alunos, como o professor Henrique Noronha Galvão, que fez o doutoramento em Teologia Dogmática na Universidade de Regensburg, na Alemanha, orientado por Joseph Ratzinger.

A Associação Portuguesa de Escolas Católicas começa a sua mensagem a dar “graças a Deus pelo dom daquele que Ele deu” como Papa entre 2005 e 2013, “em favor da Igreja e dos homens”.

As cerimónias fúnebres do Papa emérito Bento XVI vão realizar-se esta quinta-feira, dia 5 de janeiro, às 09h30 de Roma (08h30 em Lisboa), sob a presidência do Papa Francisco, na Praça de São Pedro.

CB

 

Vaticano: Morreu Bento XVI (1927-2022)

Partilhar:
Share