Evento mundial vai ser transmitido na internet pela Paulus Editora

Lisboa, 07 out 2015 (Ecclesia) – O Movimento de Cursilhos de Cristandade apresenta mundialmente o livro ‘Ideias Fundamentais’, que “incentiva cada um a encaixar a ‘Alegria do Evangelho’ na sua vida”, na Ultreia de início do ano pastoral, esta quinta-feira, na Casa Diocesana, no Porto.

“Neste livro procura-se as origens do Movimento de Cursilhos de Cristandade, enfrentando novos desafios, sendo vanguarda de novos tempos, mantendo método e carisma e, simultaneamente, dando corpo à mudança”, explica a Paulus Editora.

Num comunicado enviado hoje à Agência ECCLESIA, a editora informa que a obra ‘Ideias Fundamentais’, fruto de um “exaustivo trabalho de quase sete anos”, vai ser apresentada pelo assistente espiritual do Comité Executivo do Organismo Mundial de Cursilhos de Cristandade.

Para D. Francisco José Senra Coelho esta nova revisão “pretende ser” uma resposta aos desafios lançados pelo Papa Francisco a toda a Igreja e aos movimentos eclesiais em particular.

Para além do bispo auxiliar de Braga, a apresentação mundial deste livro conta com a presença do bispo do Porto, D. António Francisco dos Santos, a partir das 21h30 desta quinta-feira, na Casa Diocesana, Seminário do Vilar, no Porto.

A PAULUS Editora é a responsável pela edição mundial, que está disponível em três línguas – português, espanhol e inglês – e pela transmissão online em direto do evento através do endereço www.paulus.pt/omcc.

Portugal é, pela primeira vez desde 2014 até 2017, o principal ponto de encontro para membros do movimento, tendo sido escolhido como sede da Organização Mundial dos Cursilhos de Cristandade, durante o último encontro europeu realizado entre 23 e 26 de maio de 2013, na Áustria.

Em 2017 vai realizar-se uma Ultreia mundial em Fátima, para os líderes do movimento, que vai celebrar o centenário das Aparições de Nossa Senhora e o nascimento do fundador dos Cursilhos de Cristandade, Eduardo Bonnín.

O movimento chegou a Portugal em 1960 e o primeiro cursilho realizou-se em Fátima, de 29 de novembro a 2 de dezembro desse ano.

O Movimento dos Cursos de Cristandade nasceu em Palma de maiorca, (Espanha) no ano de 1949 e teve como iniciadores Eduardo Bonnín e um grupo de padres e leigos, militantes da Ação Católica, apoiados por D. João Hervás, bispo diocesano.

Desde essa data foi-se configurando como um movimento de evangelização que procura levar a Boa Nova do Amor de Deus a cada pessoa, especialmente aos mais afastados.

CB/OC

Partilhar:
Share