«Vivemos em tempos difíceis para todo o mundo», assinalou D. José Traquina

Foto: Diocese de Santarém

Santarém, 12 abr 2020 (Ecclesia) – O bispo de Santarém apelou hoje, na Missa de Páscoa, à solidariedade dos cristãos num momento de crise para a sociedade.

“Neste sentido, disponhamo-nos a dar testemunho da Ressurreição sendo generosos, colaborando com quem está a assegurar o apoio aos mais pobres. É bom e necessário que os pobres possam contar com a Igreja; aqui a Igreja somos nós, cristãos nesta Diocese de Santarém”, declarou D. José Traquina, na homilia da celebração, com transmissão online.

O responsável católico pediu que todos os fiéis sejam capazes de dar um “testemunho da esperança”, em “tempos difíceis para todo o mundo”.

“Sejamos sinal, uns para os outros, do Amor vitorioso do Ressuscitado. Não permitamos que o medo nos roube a esperança e a capacidade de amar, porque essa será a nossa maior riqueza que Deus colocou no nosso coração”, declarou.

“A Ressurreição do Senhor tem o seu efeito na comunidade e nos espaços onde vivemos. Portanto, a novidade não a é de termos mais coisas, mas é a certeza e a alegria de sermos amados por Deus”, acrescentou.

No final da Missa, D. José Traquina rezou para que

“Deus conceda a todos muita esperança” e que o mundo encontre “caminhos novos”.

OC

Publicado por Diocese de Santarém em Domingo, 12 de abril de 2020

 

Partilhar:
Share