E pediu orações pelo sucesso da viagem que vai fazer com o Papa Francisco ao Sudão do Sul em fevereiro de 2023

Lisboa, 07 dez 2022 (Ecclesia) – O Arcebispo de Cantuária, D. Justin Welby, esteve na Diocese de Pemba (Moçambique) onde se encontrou com “alguns deslocados” e vítimas da “violência terrorista” que tem conduzido a região norte daquele país para uma situação de “profunda crise humanitária”.

O primaz da Igreja Anglicana pediu também orações pelo sucesso da viagem que vai fazer com o Papa Francisco ao Sudão do Sul em fevereiro de 2023, que classificou como “uma peregrinação de paz”.

No encontro com D. António Juliasse, presidente da Conferência Episcopal de Moçambique, o líder espiritual da Igreja Anglicana sublinhou a importância do contacto que teve com algumas das vítimas da violência “causada pelos terroristas” e de como isso o impressionou.

“Garantimos que vocês não são esquecidos, rezamos por vocês, mas também há apoio para vocês e para o trabalho que fazem”, disse no encontro em Pemba.

O Bispo de Pemba agradeceu a solidariedade manifestada pelo líder da Igreja Anglicana e fez questão de lembrar, numa breve intervenção, que “o mundo não pode esquecer-se de Cabo Delgado apesar das outras guerras e do sofrimento que acontece noutras partes do mundo, nomeadamente na Ucrânia, em plena Europa”, lê-se num comunicado enviado à Agência ECCLESIA pela Fundação Ajuda à Igreja que Sofre (FAIS)

O líder da Diocese de Pemba sublinhou a importância do” bom relacionamento” entre igrejas e religiões na luta comum pela paz e solidariedade.

“Este caminhar juntos no diálogo, no ecumenismo, no diálogo inter-religioso, que fazemos, tem como grande objetivo oferecer a esperança para que um dia chegue verdadeiramente a paz”, acrescentou.

Na visita a este país africano de língua oficial portuguesa, e além de encontros com as autoridades, nomeadamente com o primeiro-ministro, o primaz da Igreja de Inglaterra presidiu ainda à cerimónia de proclamação da província eclesiástica da Igreja Anglicana de Moçambique e Angola, que ganhou autonomia em 2021 depois de ter feito parte da Igreja Anglicana da África Austral desde 1893.

No final do encontro no Paço Episcopal de Pemba, o Arcebispo de Cantuária pediu as orações de todos os presentes pelo sucesso da viagem que vai realizar em fevereiro com o Papa Francisco ao Sudão do Sul.

LFS

Partilhar:
Share