Iniciativa reuniu clero, agentes de pastoral e de ação social

Foto: Diocese de Lamego

Lamego, 05 dez 2019 (Ecclesia) – A Diocese de Lamego promoveu esta segunda-feira uma ação de formação para o clero, agentes de pastoral e de ação social, no seminário local, que abordou a temática da violência doméstica.

“A violência doméstica é um flagelo que não tem reflexo numa única camada social, faixa etária ou numa região definida. É uma realidade universal, que urge conter”, refere António Lucena, do Departamento Diocesano Justiça e Paz, numa nota enviada hoje à Agência ECCLESIA.

Os párocos presentes foram desafiados a promover ações concertadas, como, por exemplo, dedicar homilias a este tema, “para dessa forma, serem criadas condições para que as vítimas cheguem até aos sacerdotes”.

As jornadas organizadas pelo Departamento Diocesano de Justiça e Paz e o Departamento Diocesano para a Vida e Ministério dos Sacerdotes reuniram cerca de 75 pessoas.

A abertura das jornadas esteve a cargo do bispo de Lamego, D. António Couto que saudou este exemplo de organização conjunta entre diferentes departamentos diocesanos.

Os trabalhos abordaram ainda o Regulamento Geral da Proteção de Dados, nas suas implicações para as paróquias católicas.

OC

Partilhar:
Share