Sons e talentos, instrumentos musicais e diferentes vozes conjugaram-se no Convento dos Dominicanos, em Lisboa, onde se quis cantar, tocar e ir mais além na composição para a música sacra. Do Porto chegou o estudante de medicina Carlos Grijó, inscrito no Labcanta, o atelier dedicado ao canto. A música, a linguagem da beleza capaz de mostrar como o caminho espiritual se constrói também na diversidade de sons e procuras. O futuro médico regressou ao Porto e aos corredores dos hospitais onde se está a formar com a certeza de que é também pela via espiritual que poderá ser melhor profissional de saúde.

Partilhar:
Share