Londres, 09 abr 2021 (Ecclesia) – O arcebispo de Westminster, cardeal Vincent Nichols, lamentou em comunicado o falecimento do príncipe Filipe, marido da rainha Isabel II, que morreu hoje aos 99 anos.

“Neste momento de tristeza e perda, rezo pelo descanso da alma do príncipe Filipe, o fiel e leal marido de sua majestade a rainha. Rezo pela rainha e por toda a família real”, escreveu o responsável católico.

O cardeal inglês evoca a “presença e caráter” do duque de Edimburgo, “tão cheio de vida e vigor.

“Ele foi um exemplo de lealdade inabalável e dever oferecido com alegria. Que descanse em paz”, conclui a mensagem.

O portal de notícias do Vaticano assinala a notícia com uma pequena nota biográfica sobre o príncipe Filipe e os vários encontros que teve com os Papas, desde 1961, quando foi recebido em audiência por São João XXIII.

O último encontro aconteceu em abril de 2014, na Casa de Santa Marta, com o Papa Francisco; o duque de Edimburgo esteve ainda com São João Paulo e Bento XVI.

OC

Partilhar:
Share