Cardeal português alertou para «inverno demográfico» e a necessidade de «repensar, revalorizar o lugar da família»

 

Lisboa, 11 mai 2021 (Ecclesia) – O cardeal D. José Tolentino Mendonça afirmou hoje que falar sobre o ‘cuidar da vida que nasce, tocar numa nova criatura’ “é também tocar a família”, em que aparece como “aliada de Deus”, e alertou para obstáculos na sociedade.

“Falar do que significa cuidar da vida que nasce hoje não podemos evitar pensar no contexto em que a natalidade e os apoios à natalidade, e até a mentalidade cultural em torno à natalidade, são muitas vezes um obstáculo para a vida das famílias”, disse o cardeal português, num vídeo publicado pelo Departamento Nacional da Pastoral Familiar.

Na reflexão diária para a Semana da Vida 2021, D. José Tolentino Mendonça alerta para um “inverno demográfico” que fragiliza as famílias, e assinala que é necessário “repensar, revalorizar” o lugar da família como “o grande laboratório de vida das sociedades”.

“Na família descobrimos como se conjuga o verbo ‘milagrar’ porque é exatamente isso: milagre e bênção”, destacou, depois de partilhar que recentemente saudou um dos colaboradores leigos da Biblioteca do Vaticano que teve um filho.

O cardeal e poeta português explicou que na família se toca “o verbo nascer” e é “muito belo” contemplar um recém-nascido, porque contempla-se “sempre” a própria vida.

“O nascimento é a estrutura fundante da vida, é a sua irremovível arquitetura primária; Gosto de pensar nas nossas famílias como credíveis mensageiras da vida no mundo contemporâneo”, desenvolveu.

D. José Tolentino Mendonça observou que a família é também o lugar “onde o cheiro da vida, o odor da vida se sente e se celebra”, mas realça que o verbo nascer tem “milhares de aceções” e é em família que se ajuda “a nascer 1000 vezes ao longo do percurso”.

“Somos até ao fim uma coisa no seu começo, cada um de nós que está aqui é uma coisa que está a nascer, a verdade é que não vimos outra coisa sobre este mundo se não coisas e gente a nascer. A nossa estirpe é aquele de recém-nascidos”, desenvolveu.

A Igreja Católica em Portugal está a celebrar a Semana da Vida 2021, com o tema geral ‘A vida que nos toca, a vida que sempre cuidamos’, e em cada dia da semana convida a “cuidar” da casa comum, da vida que nasce, a “cuidar e educar os filhos”, a cuidar dos jovens, dos idosos e da família.

Todas as manhãs, o Departamento Nacional da Pastoral Familiar está a publicar um vídeo de introdução ao tema específico do dia, com uma reflexão apresentada por D. José Tolentino Mendonça, para além de um guião com diversas sugestões de oração, propostas culturais e ações para esta semana que termina a 16 de maio.

CB

Partilhar:
Share