Cerimónia destacou «serviço de excecional relevância ao IPB e à região»

Fotografia Secretariado das Comunicações Sociais de Bragança-Miranda/Bruno Luís Rodrigues

Bragança, 28 jan 2022 (Ecclesia) – D. José Cordeiro, administrador diocesano de Bragança-Miranda, recebeu hoje a Medalha de Honra do Instituto Politécnico de Bragança (IPB), numa cerimónia no Auditório Dionísio Gonçalves da Escola Superior Agrária.

“É com reconhecida gratidão e viva simpatia que aceito este honroso símbolo no dia do 39.º aniversário do IPB”, disse o responsável católico, informa o Secretariado Diocesano das Comunicações Sociais de Bragança-Miranda.

D. José Cordeiro assinalou que este dia coincide com a memória de São Tomás de Aquino, “um espírito aberto”, que interpela “a um novo humanismo de fraternidade universal e amizade social”.

O administrador diocesano de Bragança-Miranda, que foi docente e o primeiro capelão do Instituto Politécnico de Bragança, entre 1992 e 1999, desejou que a instituição de ensino “continue a ser lugar de esperança” e a excelência da “’scientia et labor’ seja o critério de referência académica”.

A Diocese de Bragança-Miranda explica que a cerimónia de reconhecimento pelo “serviço de excecional relevância ao IPB e à região” realizou-se, na tarde desta sexta-feira, no Auditório Dionísio Gonçalves da Escola Superior Agrária de Bragança.

D. José Cordeiro, que era bispo da Diocese de Bragança-Miranda desde 2011, foi nomeado arcebispo de Braga, pelo Papa Francisco, no dia 3 de dezembro de 2021; vai iniciar o seu ministério no próximo dia 13 de fevereiro, pelas 16h00, numa celebração marcada para a Catedral local.

CB

Partilhar:
Share