Iniciativa da responsabilidade do Arciprestado de Braga conta com um novo portal online

Foto Laboratório da Fé

Braga, 07 mai 2019 (Ecclesia) – O projeto digital ‘Laboratório da Fé’, da Arquidiocese de Braga, tem um novo portal com propostas especialmente dirigidas aos jovens, junto dos quais quer ser um espaço de “diálogo” e de “partilha de sonhos e inquietações”.

Para o padre Marcelino Paulo Ferreira, que coordena esta iniciativa, “o grande desafio” que se apresenta hoje à Igreja Católica é precisamente “escutar” as novas gerações.

“Os jovens não querem respostas pré-fabricadas e receitas prontas, querem ser uma voz presente na sociedade e na vida da Igreja. Por isso reconhecemos que é preciso criar mais espaços onde ressoe a voz dos jovens”, realça o sacerdote.

O ponto de partida no ‘Laboratório da Fé’ é o convite feito a cada jovem para “redescobrir o caminho da fé”, e a porta está aberta a todos.

Seja para “quem tem dúvidas”, para quem se encontra “num processo de iniciação à fé”, para quem quer “aprofundar a relação com Deus” ou simplesmente para “quem está curioso sobre o que é isso da fé”, frisa o padre Marcelino Paulo Ferreira, numa mensagem-vídeo publicada no novo portal.

O projeto ‘Laboratório da Fé’, da responsabilidade do Arciprestado de Braga, foi criado no âmbito da celebração do Ano da Fé, que marcou a vivência da Igreja Católica entre 2012 e 2013, proclamado pelo agora Papa emérito Bento XVI.

A ideia é proporcionar a todas as pessoas, jovens e menos jovens, um espaço de aprofundamento da relação com Deus.

Entre os recursos pastorais que estão em preparação, destaque para um “guia para o caminho da fé”, com vários trilhos “conteúdos” orientados para a vivência da experiência do encontro pessoal com Jesus Cristo.

JCP

Partilhar:
Share