D. Nuno Brás presidiu a Missa no Hospital Dr. Nélio Mendonça

Funchal, Madeira, 12 mai 2020 (Ecclesia) – O bispo do Funchal presidiu hoje a uma Eucaristia no ‘hall’ de entrada do Hospital Dr. Nélio Mendonça, assinalando o Dia e Ano Internacional do Enfermeiro, onde agradeceu pela “capacidade de entrega” dos profissionais de saúde.

D. Nuno Brás, citado pelo ‘Jornal da Madeira’, deu os “parabéns a todos os enfermeiros”, por “tudo aquilo que são, pela ação que desempenham, pela técnica que têm, mas sobretudo por aquilo que são de humanidade e por aquilo que representam de uma presença amiga que dá segurança a quem está doente”.

“Nós, madeirenses, temos presenciado precisamente este milagre, esta presença de Deus, ao longo deste dois meses, com estes poucos casos [de covid-19] que tivemos e sobretudo com nenhuma morte”, observou.

Também em Fátima, o cardeal D. António Marto evocou a data, deixando uma mensagem de “homenagem e gratidão” aos enfermeiros pelo seu testemunho de “coragem e sacrifício”, que mereceu do Papa a qualificação de “heróis e santos”.

O bispo de Leiria-Fátima destacou a “abnegação” e o sentido de “amor ao próximo” com que estes profissionais assistiram e assistem as pessoas afetadas pelo novo coronavírus, colocando a própria vida em risco.

OC

Partilhar:
Share