D. Rui Valério preside à Peregrinação Internacional do 13 de setembro

Foto: Santuário de Fátima

Fátima, 12 set 2019 (Ecclesia) – O bispo das Forças Armadas presidiu hoje à abertura da peregrinação internacional aniversário de setembro na Cova da Iria, desafiando os peregrinos a fazer de Fátima “um lugar de vida”.

Falando durante a saudação à Virgem Maria, na Capelinha das Aparições, D. Rui Valério declarou que a peregrinação a Fátima é sinónimo da “alegria de encontrar” uma Mãe.

“Ela mostra-nos Cristo, acolhe as nossas preces e ensina-nos a fazer o que Ele quer. Acolhamos Maria no nosso coração para que ele seja morada do Senhor e do Espirito Santo” afirmou, numa intervenção divulgada pelo Santuário de Fátima.

O momento de oração contou com a presença do cardeal D. António Marto, bispo de Leiria-Fátima, que sublinhou a importância do silêncio em Fátima como “a expressão mais bela e apropriada” da homenagem que os peregrinos fazem quando chegam à Capelinha das Aparições e, diante da imagem de Nossa Senhora, rezam em silêncio.

“É a reação mais profunda de quem chega. Todos ficamos em silêncio junto dela, na contemplação do seu rosto, sentindo e experimentando a sua proximidade”, acrescentou, pedindo aos peregrinos que rezem pelo Papa, pela Igreja e pela paz no mundo.

Já na Missa vespertina, o bispo das Forças Armadas e de Segurança apelou ao reencontro com o “mistério” de Deus, como aconteceu com a Virgem Maria, na Anunciação do anjo em Nazaré, que leva a “uma mudança radical de perspetiva”.

O conflito, assinalou a homilia, deriva de uma pessoa “fechada sobre si” e sobre os seus próprios recursos, numa sociedade “sem janelas para a eternidade”.

“A paz é a bem-aventurança da abertura ao outro”, observou D. Rui Valério.

Para esta peregrinação, que assinala a quinta aparição de Nossa Senhora aos Pastorinhos, em 1917, inscreveram-se 87 grupos de peregrinos, de 23 países: Portugal, Alemanha, Austrália, Brasil, Cabo Verde, Coreia do Sul, Eslováquia, Espanha, EUA, França, Holanda, Indonésia, Irlanda, Itália, Polónia, Singapura, Burquina Faso, Canadá, China, República Checa, Filipinas, África do Sul e Reino Unido.

OC

Notícia atualizada às 23h12

Partilhar:
Share