Arcebispo primaz e pároco local deixam mensagem de solidariedade aos familiares

Foto: Lusa/EPA

Braga, 23 nov 2022 (Ecclesia) – A Arquidiocese de Braga e a Paróquia de Santa Eulália de Palmeira de Faro, em Esposende, lamentaram hoje o falecimento de duas pessoas na sequência de um deslizamento de terras.

“É com grande consternação e profunda tristeza que tomámos conhecimento da catástrofe que se abateu esta madrugada em Palmeira de Faro, Esposende, provocando a morte de dois jovens, vítimas de um deslizamento de terra”, indica a nota, divulgada online.

D. José Cordeiro, arcebispo primaz, e o pároco local, padre Armindo Patrão, endereçam “profundas condolências e solidariedade aos familiares dos falecidos”.

O deslizamento de terra e de pedras de grandes dimensões atingiu uma habitação unifamiliar, em que se encontravam seis pessoas; dois jovens, de 22 anos, acabaram por falecer.

“Rezamos por estes dois jovens defuntos e familiares. O Senhor dê força à família e aos fiéis da Paróquia de Santa Eulália de Palmeira de Faro e, na sua infinita misericórdia, conceda a paz eterna a estes dois jovens”, conclui a mensagem da Arquidiocese de Braga.

As operações para a remoção dos corpos das duas vítimas de um deslizamento de terras em Palmeira de Faro, Esposende, estão em curso, sem previsão temporal para a conclusão dos trabalhos, indicou fonte da Proteção Civil citada pela Lusa.

OC

Partilhar:
Share